i

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Partido dos Trabalhadores reúne milhares de pessoas em Ipanguaçu

O diretório municipal do Partido dos Trabalhadores realizou ontem, 25, no clube municipal o Encontro Municipal do PT onde contou com as presenças de lideranças da região e do estado.

"O encontro do PT foi um sucesso, demonstrando a maturidade da militância e dando passos fundamentais de diálogo com a sociedade e com a população visando construir mais alternativa na cidade. Fiquei feliz pelas formas de reconhecimento do nosso povo, isso mostra que as coisas estão no rumo certo", frisa o prefeito petista, Leonardo Oliveira.

Durante o evento foram abonada dezenas de filiações. Em todos os discursos, ficou evidente o desejo de ampliar os espaços do PT no cenário político em Ipanguaçu, e o ingresso petistas no legislativo.

Segundo a Deputada Federal Fátima Bezerra a participação do povo neste encontro mostra que o prefeito Leonardo está no rumo certo. “Elegeremos mais prefeitos pelo estado, e fortaleceremos os já eleitos. O Prefeito Leonardo em 2010 esteve por essas ruas comigo, e em 2012 estarei com ele firme rumo ao novo mandato” disse a deputada.

Leonardo ressaltou que será incansável nas ações que venham fortalecer o município, “Os avanços em Ipanguaçu crescem em todas as áreas, buscando sempre a valorização e respeito do cidadão Ipanguacuesse. Avanços esses que serão levados por mim até o fim” ressaltou o prefeito.

O encontro contou com a presença de milhares de pessoas, entre eles o Deputado estadual, Fernando Mineiro (PT); a Vice Prefeita Vera Lúcia; Prefeito de Janduis Salomão Gurgel;Prefeito de Carnaubais Luizinho Cavalcante(PSB);Presidente do PT Luiz Alberto da Silva (Beto Rocha);Vice Presidente do PT Joíldo Lobato Bezerra;Presidenta do PMN Luzineide Fonseca;Presidente do PRB Tunefes Morais;Presidente do PSB Josimar Lopes;Presidente do PV Paulo Alcântara;Presidente do PSDB Francisco Canindé Da Cunha;Presidente do PSC Mario Silvério;Presidente Estadual do PT Eraldo Paiva;Presidenta do PSD Maria Cristina Oliveira De Melo; Os Vereadores Chico Balaio;Thalita Marinho;Dedé de Eduardo;Ruan Montenegro;Batista Lobo;Mitota e Gordo Do Baldum.


 


Fotos:Marcos Costa/sitecidades.com

As fotos do blog vocês podem ver (AQUI)

Caminhada marca abertura da festa de Santa Tersinha

A Infância Adolescência e Juventude Missionária (IAJM) de Ipanguaçu realizou ontem a abertura oficial da Festa de Santa Teresinha e mais um crianças em missão. A abertura da festa aconteceu com ás 5hs da manhã com a caminhada de abertura que saiu da Capela N. Sra. da Saúde em Olho D'água, onde logo em seguida aconteceu o ofício da Imaculada Conceição e o café da Manhã Comunitário na sede da IAJM.

Rafael Cosme, coordenador da IAJM na cidade e no Estado do RN disse que a expectativa é de que a festa possa ser umas das melhores, “O terço das rosas teve início na semana passada e já esta reunindo um bom publico de fieis, nos festejos durante a noite esperamos reunir muitos fieis da cidade e de outros municípios do Vale que vem prestigiar a festa” fala o coordenador.

Rafael disse que a Festa de Santa Teresinha busca também adquirir recursos para a construção de uma imagem de Santa Teresinha que será erguida em praça publica “A imagem marcará os 15 anos da Infância Missionária de nossa cidade onde será inaugurada em dezembro, se tudo ocorrer como o previsto. Conquistamos muitas coisas nesses 15 anos e pretendemos alcançar mais esse objetivo que marcará a fé do nosso povo” ressalta.

Veja toda a programação (AQUI)

E as fotos no link abaixo.

Quando a voz do governo fala mais alto

Dos demais poderes aos servidores, reclamação da dificuldade de dialogar com o Governo Rosalba é quase unânime

Chegando ao fim do nono mês de gestão, uma das principais dificuldades que o governo de Rosalba Ciarlini (DEM) enfrenta é a de dialogar. Dos servidores estaduais ao Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), o Executivo não tem conseguido conciliar seus objetivos com as pretensões das categorias de trabalhadores e tampouco manter uma convivência institucional com os demais poderes sem maiores percalços. Nos principais debates travados até o momento, houve reclamações das partes. Apesar de não entrar na linha de frente do desgaste, a governadora enfrenta o desafio de retirar a pecha de administração autoritária volta e meia levantada por interlocutores.


Rosalba Ciarlini tenta evitar desgaste, mas administração leva fama de autoritária Foto: Ana Amaral/DN/D.A Pres
Primeiro, vieram as greves de nove categorias de servidores estaduais, que duraram meses, em negociações pouco proveitosas. Apesar de as greves terem sido sanadas, as categorias já ameaçam paralisar novamente. Em seguida, o governo sofreu a primeira derrota na Assembleia Legislativa (AL), com a rejeição do Proimport, projeto de autoria do Executivo que concedia isentivos fiscais para importações do Porto de Natal, na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Casa. O projeto, inclusive, provocou insatisfação da classe empresarial potiguar. Agora, a governadora precisa ter jogo de cintura para enfrentar as negociações que terá pela frente.

O governo vive uma crise institucional criada com o Ministério Público (MP) e o TJRN em torno do Orçamento Geral do Estado (OGE) 2012. Além disso, ainda não conseguiu articular a união da sua base na Assembleia Legilativa (AL) para aprovar a autorização do empréstimo de U$$ 540 milhões junto ao Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (Bird). Para piorar, a governadora deverá enfrentar nova revolta dos servidores estaduais, devido ao não cumprimento dos Planos de Cargos, Carreira e Salários (PCSS) deles.


Depois de maior paralisação dos últimos anos, servidores ameaçam greve geral Foto: Fábio Cortez/DN/D.A Press
De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta (Sinai), Santino Arruda, o acordo realizado em julho com o governo previa o pagamento da primeira parcela do valor remanescente do PCCS na folha de pagamento de setembro, mas o governo sinalizou que o pagamento não será realizado por conta da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). "Nós temos um documento assinado pelo chefe do Gabinete Civil e agora eles dizem que o pagamento só será efetuado quando o estado saísse das dificuldades em relação à LRF. Ou seja, eles não estão cumprindo o que ficou acordado em documento oficial", reclama Santino.

Para o deputado estadual Fernando Mineiro (PT), falta diálogo do Executivo com os mais diversos setores da sociedade, antes de tomar as decisões. De acordo com o parlamentar, a gestão de Rosalba centraliza demais as decisões e esquece de dialogar não só com os outros poderes como com a população. "O governo é muito autocrático. Essa é a cara do governo. Ninguém pode discutir nada", criticou. O petista informou que os próprios deputados estaduais da base governista reclamam nos bastidores da "falta de diálogo" da gestão do DEM emrelação a eles. "Essa é uma característica do governo. Não ouve ninguém. Nem entre os secretários, percebemos um entrosamento. Tudo é centralizado entre dois ou três", criticou.

Rosalba conseguiu maioria na Assembleia somente após a adesão do PMDB ao governo. Mesmo assim, ela não terá vida fácil para aprovar os projetos do seu interesse. Até os mais fervorosos defensores do seu governo seu mostram decididos a debater todas as propostas enviadas à Casa. Os deputados do PMDB que aderiram ao governo - Nélter Queiroz, Gustavo Fernandes, Hermano Morais e Poti Júnior - também disseram, ao confirmarem a mudança de posição, que analisarão casa projeto governista à luz de suas respectivas convicções. 

Por Allan Darlyson Diário de Natal, Leia mais (AQUI)

Autoescolas ‘cassadas’ voltam a atuar

Por decisão do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJ-RN), as três autoescolas de Mossoró descredenciadas pelo Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Norte (DETRAN-RN) em março deste ano estão novamente na ativa.

As autoescolas Sigga, Piloto e Vitória foram "fechadas" por estarem, supostamente, envolvidas num esquema de cobrança de propina para facilitar a emissão da carteira de motorista, segundo denúncias apuradas pelo Detran-RN, em que constavam até vídeos contra os acusados.
As empresas entraram com ações no TJ-RN e, através de pedido de antecipação de tutela, conseguiram autorização para retornar ao mercado.
O diretor geral do Detran-RN, Érico Souza, informou que o processo segue nos tribunais e que aguarda o julgamento do mérito. "Estamos aguardando que o juiz do caso anuncie uma decisão", explicou Érico, demonstrando certa irritação ao ser questionado sobre a existência de um prazo para que a decisão seja anunciada. "Quem decide isso é o juiz", argumentou.
Em março, Érico Souza informou que chegou até essas autoescolas através de vídeos produzidos por candidatos a motorista e entregues ao órgão e ao Ministério Público. 
Os vídeos mostravam os candidatos negociando o pagamento de propina para facilitar o acesso à carteira de motorista.
Os casos envolviam a aprovação em exame de vista para um candidato com cirurgia de catarata marcada e também o recebimento da Carteira Nacional de Motorista (CNH) sem que o candidato participasse de qualquer teste.
A decisão do Detran-RN também punia os diretores das autoescolas possivelmente envolvidas com o esquema. Os diretores ficaram impedidos de atuar no setor em todo o território nacional. Porém, o TJ-RN também os absorveu preliminarmente.
O diretor da autoescola Piloto, identificado como "Rodolfo", ressaltou que a decisão da Justiça comprovou a inocência da empresa. "Já está tudo certo com a empresa", afirmou.

AFASTAMENTOS
O primeiro ato da direção do Detran/RN para coibir a corrupção na emissão de carteira de motorista foi o afastamento de todos os peritos examinadores que atuavam no Rio Grande do Norte. Eles foram substituídos por uma comissão de examinadores de trânsito formada por 18 integrantes do comando da Polícia Militar, que também já foi substituída.
Várias denúncias apontavam para o recebimento de propina pelos peritos para facilitar a aprovação dos candidatos a motorista nos exames práticos.
Na oportunidade, O Detran-RN também afastou um dos médicos responsáveis pelos exames de vistas do órgão em Mossoró e ainda exonerou o supervisor de fiscalização das autoescolas.

Fonte: Jornal DE Fato

PMDB teme avanço do PT nas eleições de 2012


A reação do eleitorado à razoável estabilidade da economia brasileira e o precoce trabalho de corpo a corpo do PT — encampado principalmente pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva — no debate sobre candidaturas para prefeito em 2012 fizeram ligar o sinal de alerta no PMDB.

Apesar da meta audaciosa de elevar de 1.175 para 1,3 mil o número de prefeituras comandadas pela legenda no próximo ano, a cúpula do partido teme perder espaço no pleito. E vê no PT o principal motivo para sua preocupação. “Já será difícil manter o tamanho atual do partido nos municípios, que dirá conquistar prefeituras”, admite um cacique peemedebista que pediu para não ser identificado. “O problema é que o PT fez o dever de casa e capitalizou os avanços do governo anterior. O PMDB falhou em não fazer o mesmo.”

As regiões avaliadas como mais problemáticas são o Nordeste, onde a aceitação ao PT é alavancada pelos altos índices de aprovação ao governo do ex-presidente Lula, e o Sul, muito por conta dos rachas ocorridos na legenda na campanha presidencial de 2010. Nos três estados da região, o PMDB se dividiu entre as candidaturas de Dilma Rousseff e José Serra ao Palácio do Planalto. E, agora, paga a fatura.

- Publicado por Robson Pires,