i

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Dilma anuncia prorrogação do programa Bolsa Estiagem


A presidente Dilma Rousseff (PT) disse, na manhã desta segunda-feira (5), que o Governo Federal vai prorrogar por mais dois meses o pagamento do Bolsa Estiagem em razão da seca prolongada na Região Nordeste e no norte de Minas Gerais. Segundo o G1, cada família beneficiada pelo programa vai receber mais duas parcelas de R$ 80, totalizando um custeio de R$ 560, e não mais de R$ 400.
Dilma destacou ainda que os agricultores cadastrados no Garantia Safra também vão receber ajuda extra do Governo Federal em razão da estiagem. A eles serão pagas duas parcelas a mais do benefício, cada uma no valor de R$ 136. “Com mais dois meses de Bolsa Estiagem e dois meses de Garantia Safra, estamos garantindo renda para 1,5 milhão de famílias que vivem no Semiárido”, avaliou.
Outra medida anunciada pela presidente trata da prorrogação, até fevereiro de 2013, da venda de milho a um preço mais baixo que o do mercado para pequenos agricultores. Além disso, Dilma informou que a Operação Carro-Pipa será ampliada – o Exército Brasileiro foi autorizado a contratar mais 906 carros-pipa, que vão se juntar aos 4.082 em serviço. Os Estados, segundo ela, também receberam recursos e já contrataram mais de dois mil carros-pipa.

Professora participará do cerimônia de premiação regional das Olimpíada de Língua Portuguesa


A Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro realizará neste dia 07 de novembro o cerimonial para a premiação regional que acontecerá em Natal (RN).  A professora e coordenadora das olimpíadas no município, Aloma Daiany, participará do evento na capital do estado. Na noite será realizada a cerimônia do gênero crônica, onde serão anunciados os 38 finalistas da Olimpíada nesta categoria.

O programa é desenvolvido pelo Ministério da Educação (MEC) e pela Fundação Itaú Social, sob a coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec).

Os alunos e professores escolhidos nesta fase participam de diversas atividades de formação, como oficinas de leitura e escrita e visitas culturais. Todos os semifinalistas (alunos e professores) receberão medalhas de bronze e poderão escolher livros em uma livraria montada especialmente para eles.

UFRN promove curso de formação continuada para professores de escolas públicas
A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) promove o curso de formação continuada Mediadores de Leitura. A ação é voltada para professores de Ensino Fundamental e distribui vagas nos campi de Natal e Currais Novos. 

As inscrições para os projetos estão abertas até o dia 9 de novembro. As vagas são destinadas a professores de Língua Portuguesa do Ensino Fundamental de escolas públicas, do 5º ao 9º ano. São oferecidas 500 vagas para professores de Natal e região metropolitana e 250 para o campus de Currais Novos e cidades vizinhas. 

Os interessados devem solicitar a inscrição preenchendo o formulário disponível no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (SIGAA) através do link:http://www.sigaa.ufrn.br/sigaa/link/public/extensao/inscricoesOnline

Após a solicitação, deve ser apresentada cópia do diploma de graduação, cópia do RG e CPF e declaração de que é professor de escola pública no Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA), para os candidatos de Natal. Os professores do interior devem entregar a documentação no Departamento de Ciências Sociais e Humanas (DCSH) do Centro de Ensino Superior do Seridó (CERES) de Crurais Novos.
  
O curso tem duração prevista de um ano e é dividido em cinco módulos, com 20 horas de aulas presenciais e 28 horas a distância, além de encontros para reflexão da vivência do professor em sala de aula.

Mais informações sobre o curso através do email mediadoresdeleitura@yahoo.com.br, da página no Facebookhttps://www.facebook.com/mediadores.deleitura e pelos telefones 3215-3597, 3215-2547, 3215-3582, 3405-2836 e 3405-2835. 

População já articula Fora Rosalba para dia 15 de Novembro


Parece que a coisa não está boa para a Rosa, logo após pesquisa do IBOPE apontando aprovação da população de Natal sobre o Governo do RN de  8%, eis a notícia de um #ForaRosalba.
Natal é o maior colegiado eleitoral do RN, mas, a manifestação desta vez não será só em Natal, será em Mossoró também cidade da governadora, a articulação já acontece no Twitter. Infelizmente mais uma vez a insatisfação do povo potiguar. A manifestação é um twittaço que será realizado por médicos e pessoas insatisfeitas.
O movimento #ForaRosalba será dia 15 de novembro, feriado da proclamação da república.

Gabaritos do Enem serão divulgados até quarta-feira (07)


O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) registrou este ano abstenção média de 27,9%. Os estados com maior índice de faltosos, nos dois dias, foram Roraima, Bahia e Amazonas. Com menor índice, Piauí, Santa Catarina e Alagoas. No ano passado, a abstenção média chegou a 26,4% e, em 2010, a 28%. Esta edição do exame teve o número recorde de 5.791.290 inscritos.
As provas foram encerradas às 18h30 deste domingo, 4, sem ocorrência de incidentes. No segundo dia de aplicação, os candidatos responderam questões de linguagens, códigos e suas tecnologias e de matemática e suas tecnologias. Fizeram também a prova de redação, que teve como tema Movimento Imigratório para o Brasil no Século 21.
Os gabaritos serão divulgados até quarta-feira, 7, nas páginas do Ministério da Educação e do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) na internet.

Mais de 1,6 milhão de inscritos no Enem 2012 não fizeram provas


Ficou em 27,9% a média de abstenção do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) 2012. Ou seja, mais de 1,6 milhão de inscritos não foram fazer a prova. A edição deste ano teve recorde de inscritos: 5.791.290.
Os Estados com maior índice de faltosos, nos dois dias, foram Roraima, Bahia e Amazonas. Com menor índice registraram-se Piauí, Santa Catarina e Alagoas. No ano passado, o índice de abstenção média havia sido de 26,4% e, em 2010, 28%.

Butantan testa com sucesso toxina do veneno da cascavel contra câncer de pele


Uma toxina contida no veneno da cascavel mostrou-se eficaz no tratamento de células cancerígenas.A descoberta foi feita por pesquisadores do Instituto Butantan, em São Paulo.
A pesquisa inédita permitiu a identificação e a extração de uma substância contida no veneno da cobra, uma toxina chamada crotamina.
Quando aplicada em camundongos com câncer de pele, a crotamina aumentou a sobrevida do animal em 70%.A toxina também atrasou o desenvolvimento do tumor e, em alguns casos, inibiu seu crescimento.
De acordo com a geneticista Irina Kerkis, coordenadora do projeto, em comparação com outras drogas, a crotamina tem a vantagem de não apresentar os mesmos efeitos colaterais.
“A crotamina é solúvel em diferentes solventes e não produz reação alérgica e não interfere na imunidade”, disse.
A crotamina mata as células cancerígenas sem afetar as células normais.Em outra linha de pesquisas do mesmo instituto, cientistas estão usando compostos do veneno da cascavel para o combate à dor.