i

sábado, 20 de março de 2010

Inscrições para concurso da Caern encerram nesta segunda-feira


Estão sendo oferecidas vagas para níveis médio e superior, com salários de R$ 1.242,88 e R$ 3.652,12, respectivamente.

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) encerrará as inscrições para o concurso público na próxima segunda-feira (22), às 20h. As inscrições podem ser feitas exclusivamente pela Internet, pelo endereço eletrônico: http://www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/caern10.

O pagamento do boleto deverá ser feito até a terça-feira (23). O novo concurso público tem como objetivo a formação de cadastro reserva para diversos cargos e funções do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração da empresa. Mas a previsão é que pelo menos 50 pessoas sejam chamadas para diversas funções de imediato.

A taxa de inscrição é de R$ 50,00 para os níveis médio e médio técnico e de R$ 80,00 para nível superior. O edital do concurso está disponível nos seguintes endereços eletrônicos: www.caern.com.br e site da Fundação Getúlio Vargas (www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/caern10).

As provas serão realizadas no dia 25 de abril em Natal, Mossoró, Caicó e Pau dos Ferros, em locais a serem divulgados brevemente. Para o cargo de agente administrativo as provas serão realizadas no período da manhã e a de nível técnico e nível superior no período da tarde. As provas objetivas, as discursivas e a redação serão realizadas no dia 25 de abril.

No concurso 2010, serão selecionados profissionais de nível superior para os cargos de administrador, assistente social, analista de materiais, economista, engenheiro civil, engenheiro mecânico, engenheiro eletricista, engenheiro de produção, geógrafo, jornalista, psicólogo, químico e sociólogo.

O Cadastro de Reserva terá ainda cargos e funções de nível médio, contemplando agente administrativo e nível médio técnico, para técnico de contabilidade e técnico em engenharia (saneamento, edificações, eletrotécnica, topografia e mecânica).

Os salários iniciais são de R$ 1.242,88 para nível médio, R$ 1.753,02 para nível médio técnico e R$ 3.652,12 para nível superior, além de outros benefícios e vantagens concedidas pela Companhia, contidas no Acordo Coletivo de Trabalho.

PUBLICIDADE:

Ginásio irá incentivar a prática do esporte amador na cidade de Assu


O Governo do estado, em parceria com o Ministério dos esportes, investiu R$ 2,6 milhões na obra.

A cidade de Assu ganhará na noite deste sábado (20) o Ginásio Poliesportivo Arnóbio Abreu, o primeiro da cidade. O local irá incentivar a prática do esporte amador em Assu e municípios vizinhos, e também será uma opção de lazer e entretenimento para a comunidade. A inauguração será feita pela governadora Wilma de Faria, às 20h. O Governo do Estado investiu R$ 2,6 milhões na obra, em parceria com o Ministério dos Esportes.
 
O ginásio atende os padrões oficiais exigidos para a prática das modalidades de Basquetebol, Futsal, Handebol e Voleibol. Construído no terreno da Escola Estadual Juscelino Kubitschek, o ginásio modelo possui 2.900 metros quadrados de área construída, capacidade para três mil espectadores, dois vestiários com capacidade para 20 atletas, quatro entradas estrategicamente localizadas, salas exclusivas para o setor administrativo e banheiros.

O nome do ginásio foi escolhido em homenagem ao deputado estadual Arnóbio Abreu, que é natural de Assu. Além de político, o parlamentar, falecido no dia 25 de fevereiro de 2000,  também era médico e foi líder do Governo na Assembléia Legislativa.

FONTE: No minuto.com

PUBLICIDADE:

Morte de peixes será investigada no Vale do Açu


Preocupado com o surgimento de vários peixes mortos no leito do rio Piranhas-Açu, o secretário municipal de Meio Ambiente, Francisco de Assis Souto, vai solicitar a realização de uma análise técnica para procurar identificar a causa do problema.

Com este objetivo, ele está oficiando a órgãos tais como o Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

O secretário de Meio Ambiente registrou que somente após a realização da análise laboratorial será possível identificar se a morte dos peixes é motivada por alguma questão climática ou consequência de desequilíbrio ambiental ou outro fator qualquer.

Ele registra que foi comunicado por populares da situação e se deslocou até o rio para ver o caso pessoalmente acompanhado do secretário de Serviços Públicos, Samuel Fonseca de Assis.

"Tive a preocupação de ir até o local para vermos in loco o que nos foi relatado para tomarmos as providências que nos são cabíveis", explicou o secretário.

A expectativa de Francisco de Assis Souto é que até a próxima semana haja uma resposta positiva aos expedientes que endereçará às entidades e instituições aptas a promover a análise de laboratório que possa apontar a causa mortis dos peixes.

Por enquanto ele preferiu não emitir qualquer juízo de valor com referência ao assunto, preferindo esperar pelas observações técnicas acerca do episódio.

O secretário de Meio Ambiente adiantou que a adoção imediata dos procedimentos que são de responsabilidade do poder público municipal seguiu uma recomendação do prefeito Ivan Lopes Júnior (PP). 

FONTE: O mossoroense
PUBLICIDADE:

Poder ilimitado de superação


Faz tempo que os vereadores de Ipanguaçu vem mostrando ao mundo que roupa suja se lava ‘nas ondas do rádio’.

Peelloaammorrddeedeus, quando agente pensa que eles chegaram ao... ao cumulo do ridículo, eis que eles conseguem se superar. Incrível o poder de superação dos astutos edis ipanguaçuenses.

Hoje eles participaram do Programa Registrando, na Rádio Princesa do Vale, e aproveitaram a oportunidade para criticar o sindicato dos professores de sua cidade. Ok, até aí tudo bem. Por que tudo bem? Bem, o sindicato andou tendo o atrevimento de repudiar uma das muitas atitudes de vassalagem postas em ação pela maioria dos edis ipanguaçuenses.

O fato de ter alguém ou uma entidade a ter a ousadia de criticar e mostrar a cidade como se dar a relação entre prefeitura e câmara municipal, os edis ipanguaçuenses ‘perderam o rebolado’ e partiram para... para... a baixaria.

Gente, teve um vereador que disse na ‘raida’, assim por volta das 12h20minutos do dia vinte de março do ano da Graça de Nosso Senhor Jesus Cristo de dois mil e dez que uma representante do sindicato deveria “arrumar um marido para ter no que se ocupar”.

Geennnte, e pensar que Ipanguaçu tem luz elétrica, água encanada, escola... Será que esse vereador, melhor, suplente de vereador (um vereador se afastou para que ele assumisse) mora mesmo em Ipanguaçu? Aahh, ele ainda teve o prazer de dizer que tem cinco filhos.  

Bem, outros vereadores também falaram. No entanto, nenhum conseguiu superar o edil... o edil... é difícil! Peense numa coisa difícil!!!!! Tá bem, oitocentista.

Vamos torcer para que esse edil não tente aprovar nenhuma emenda que obrigue as moças da cidade a não mais andarem desacompanhadas pelas ruas da cidade. Se brincar e é bem mais fácil, ele deverá tentar aprovar a volta do uso do fogão a lenha, ferro a carvão... pelas mulheres do município de Ipanguaçu. Aff.

Sim, o nome do edil ‘atualizado’ é Ruan Montenegro.

FONTE: Ana Valquiria
PUBLICIDADE:

Comentario do Blog


 (Em resposta do blog ao vereador que comentou sobre mim no programa REGIStrando neste sábado 20/03)
Ao Srº vereador Gordo,

 Meu blog já falou de todas as formas não só da atual  administração municipal, mais também das demais.
Meu blog está aberto para todos, “Democracia existe no meu dialeto”, diferente do seu, onde só vejo em todas as sessões o senhor se alterar e gritar de forma desrespeitosa.
Você ou qualquer vereador NUNCA chegou a mim para postar algo neste blog.

A primeira ideia de um blog e se expressar de forma livre, e ajudar a população a está sempre informado.
  
Falo de qualquer um, assim minha internet esteja funcionando e eu esteja disposto a postar.


Que o senhor e os demais usem a câmara como porta principal para propostas para o município, e não como passa tempo.

Sim!
Obrigado por se lembrar de mim.

Abraço
Keyson Cunha