i

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Aluno é premiado no CONNEPI

Caíque de Souza recebeu o prêmio de melhor artigo na área 
 
O bolsista de iniciação científica Caíque de Souza, aluno do 3o ano do Curso Técnico em Informática, foi premiado com o trabalho intitulado "Análise in silico de genes de reparo de DNA em um patógeno de planta: Acidovorax avenae". Caíque concorreu na área Ciências Biológicas I.

O orientador de Caíque, o professor de biologia Fábio Duarte, comenta que foi a melhor apresentação do estudante. "Ele foi muito desenvolto e respondeu a todas as perguntas com tranquilidade e segurança, e sem precisar do meu auxílio", afirma o professor. A maioria dos trabalhos da área eram de alunos do ensino superior.

Segundo a coordenadora de pesquisa do campus, Priscila Aliança, os "nossos alunos causam boa impressão por onde quer que passem. Foram premiados na Semana de Ciência e Tecnologia da Zona Norte dois anos seguidos, impressionaram alunos e servidores na EXPOTEC de Santa Cruz e agora um projeto do campus é referência para Institutos Federais do Norte e do Nordeste".

O trabalho premiado analisa a bactéria responsável pela "mancha aquosa", doença que ataca o melão. Essa pesquisa foi desenvolvida em co-autoria com o também professor de biologia Adriano de Carvalho e o bolsista Hugo Freitas, aluno do 2o ano do mesmo curso de Caíque.

Fonte: IFRN/Ipanguaçu 

Prefeito inclui projeto de macrodrenagem do rio Pataxó em pauta de viagem a Brasília

O prefeito do município de Ipanguaçu, região do Vale do Açu, Leonardo da Silva Oliveira (PT), anunciou para a primeira semana de dezembro sua próxima viagem administrativa a Brasília. O gestor municipal tenciona peregrinar por diversos órgãos da administração federal no intuito de acompanhar projetos já apresentados e que estão tramitando e tenta viabilizar novos investimentos federais para o exercício 2011. Além disso, segundo reiterou, deseja discutir uma questão que aponta como crucial para Ipanguaçu: o projeto de macrodrenagem do rio Pataxó.

Leonardo Oliveira recapitulou que todos os anos a perspectiva de inverno provoca um sentimento de aflição aos habitantes de Ipanguaçu, que temem ver reeditado o cenário de 2008 e 2009, quando a cidade sofreu com inundações, em grande parte provocadas pelo aumento do volume de água no leito do citado rio. Disse que um dos motivos de a cidade sofrer tais consequências é o elevado índice de assoreamento do citado manancial hídrico. Para ele, o problema só será definitivamente resolvido com a execução de um arrojado projeto de drenagem. E é justamente esta proposta que almeja debater em Brasília.



REIVINDICAÇÃO

Neste esforço que empreenderá no âmbito ministerial, o prefeito Leonardo Oliveira contará com a solidariedade da deputada federal Fátima Bezerra (PT). O chefe do Executivo interpreta que, somente com a viabilidade deste projeto, será possível devolver a tranquilidade à população ipanguaçuense, livrando-a do temor de voltar a deparar-se com o panorama de enchentes que se abateu por sobre o município nos dois últimos anos. "Só assim poderemos voltar a nos sentir seguros e, além disso, permitir que o município possa tornar-se novamente atrativo economicamente", declarou o prefeito. Ele adiantou que irá à porta de todos os demais parlamentares do Rio Grande do Norte em busca de apoio a esta causa.


Fonte: O mossoroense