i

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

DIA DE FINADOS COMEÇOU CEDO EM IPANGUÇU

Já desde as primeiras horas desta segunda (02) a população começou a visitar os cemitérios públicos da cidade de Ipanguaçu.






De acordo com o secretário de Obras Lusivaldo da Silva Oliveira (Naldo) da Prefeitura Municipal, os cemitérios passaram por uma limpeza geral além de pintura dos muros e reposição de lâmpadas e restauração da casa das almas.

A expectativa é de que durante todo o dia, milhares de pessoas passem pelos cemitérios alocados na zona urbana e todos os cemitérios da zona rural.





Cerca de 5 mil pessoas devem passar pelo cemitério Parque da Saudade Nossa Senhora de Lourdes de Ipanguaçu durante as visitações do Dia de Finados.





Mais do que um simples feriado, o dia dedicado aos mortos é um momento propício para prestar homenagens aos entes queridos que já se foram. Flores, velas, mensagens póstumas, tudo isso faz parte de ritual que tem como principal intuito manter sempre viva a lembrança daqueles que não estão mais presentes fisicamente.

casa das almas

O Dia de Finados não significa um dia de tristeza, de culto à morte. Pelo contrário, a data representa uma memória à vida. "Ao visitar os túmulos nos cemitérios, estamos mantendo a lembrança da vida dos nossos entes queridos sempre por perto".

De fato, o real intuito desta data é exatamente esse, o de celebrar a vida eterna das pessoas que já faleceram. A data, que hoje é feriado nacional, foi instituída pela Igreja Católica em meados do século XIII. Desde então, a data mobiliza multidões em reflexões sobre a relação entre a vida e a morte.

Conforme a História, desde o século 1º d.C., os primeiro cristãos rezavam pelos falecidos. Eles também costumavam visitar os túmulos dos mártires nas catacumbas para rezar pelos que morreram sem martírio. Com o passar dos séculos, a Igreja decidiu dedicar um dia por ano para rezar por todos os mortos, pelos quais ninguém rezava e ninguém mais se lembrava.

Foi assim, que no século XIII, esse dia anual em homenagem a todos os mortos passou a ser comemorado no dia 2 de novembro. Isso porque no dia 1º de novembro é a festa de "Todos os Santos", que celebra todos os que morreram em estado de graça e não foram canonizados. Desta forma, o Dia de Finados celebra todos os que morreram e não são lembrados na oração.

Embora seja um costume universal, a data ainda é uma prática basicamente alimentada pela religião católica. Muitos evangélicos não celebram o Dia de Finados, pois de acordo com os pastores, não há nenhuma recomendação na Bíblia quanto a isso.

Todavia, independente da crença ou religião, o Dia de Finados é uma data que convida a toda pessoa a pensar sobre o binômio vida/morte. É certo, que a morte, assim como a vida, ainda é um mistério. Porém, pensar sobre essas questões é uma atividade sutil de reforçar a fé em uma força maior, que rege a vida.




Nota do Blog: Parabéns a Prefeitura Municipal de Ipanguaçu na pessoa do Prefeito Leonardo Oliveira e o Secretário de Obras Lusivaldo Oliveira, pela iniciativa dos mesmos.

Assim é que se faz, o prefeito está aos poucos reconstruindo a nossa terra, e a população agradece. Agora o cemitério está digno de receber os visitantes e familiares de seus entes queridos.

FOTOS/TEXTO: Ipanguaçu News, Keyson Cunha

Cosern ganha prêmio como melhor distribuidora de energia elétrica

Pelo sexto ano consecutivo, a Cosern conquista o Prêmio Eletricidade Moderna, como a Melhor Distribuidora da Região Nordeste, uma importante referência quando o assunto é a qualidade da distribuição de energia elétrica.

Além da Cosern, a Coelba e a Celpe, que também integram o Grupo Neoenergia, obtiveram, respectivamente, a segunda e a terceira posições no ranking da região. O resultado do Prêmio foi divulgado na edição de setembro da revista Eletricidade Moderna.

O maior destaque da Cosern nos quatro quesitos avaliados pelo Prêmio (processos comerciais, de engenharia, de operação e de minimização de perdas) é a área de engenharia. A Empresa ficou em primeiro lugar no país nos itens relacionados aos processos desenvolvidos nesta área.

A Cosern alcançou ainda a primeira colocação do Nordeste na área de perdas de energia, ao ser destaque como a distribuidora da região que apresentou o menor percentual de perdas de energia elétrica.

Empresa é a quarta melhor concessionária do país

Na área de operações a empresa energética com atuação no RN garantiu um outro importante destaque regional.

A Cosern foi a Empresa que obteve a melhor posição relativa aos processos de operação de todo o Nordeste.

Com uma nota final de 8,932, a Cosern foi considerada a 4ª Melhor Empresa Distribuidora de Energia Elétrica do Brasil, concorrendo com outras 18 empresas de âmbito estadual.

O Prêmio Eletricidade é realizado pela Revista Eletricidade Moderna, em parceria com a SOLTEC - Projetos e Serviços. Todos os anos a revista mostra um panorama com o ranking das distribuidoras de energia elétrica que se sobressaíram em seus processos comerciais, de engenharia, de operação e de minimização de perdas.

A avaliação que identifica o posicionamento das distribuidoras que participaram do Prêmio é feita através do cruzamento de uma série de informações coletadas junto às empresas.





Fonte: Da redação do O Nosso Jornal com informação do O Mossoroense

Piso dos Agentes de Saúde será discutido em seminário em Brasília

A comissão especial que analisa a proposta de emenda constitucional (PEC 391/2009) que estabelece o piso salarial nacional e um plano de carreira para os Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias realizará, na próxima terça-feira, 3, a partir das 9h, no auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados, um seminário para debater a proposta.

A relatora da proposta é a deputada Fátima Bezerra (PT-RN).

Segundo a presidente da Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde (Conacs), Ruth Brilhante, caravanas de todo o país virão participar do debate. A expectativa é que cerca de mil Agentes se desloquem para o evento em Brasília.

O seminário será realizado durante todo o dia e contará com uma mesa de abertura e duas de debate. Foram convidados para o evento, o ministro da Saúde, José Gomes Temporão; representantes da Conacs; da Confederação Nacional dos Municípios (CNM); dos conselhos nacionais das secretarias estaduais e municipais de saúde (Conaes e Conasems); do Conselho Nacional de Saúde (CNS), entre outros.




Fonte: Da redação do O Nosso Jornal com informação do O Mossoroense