i

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Prefeito Leonardo Oliveira da posse ao novo Secretário de Finanças

Prefeito Leonardo Oliveria da posse ao novo secretário.

Foi empossado na manhã de hoje (01) pela portaria de número 053/2011 o Washington Luiz Rodrigues Fonseca, para exercer o cargo em comissão de Secretário Municipal de Finanças da Prefeitura de Ipanguaçu.

A portaria foi assinada na Prefeitura do município, na sala da Secretaria de Finanças, pelo chefe do executivo municipal, Leonardo da Silva Oliveira.

O prefeito, Leonardo Oliveira, deu as boas vindas ao novo secretário desejando lhe um bom trabalho, conforme o prefeito a vinda de Washington Luiz para a secretaria contribuirá para a administração “Governando Nossa Terra”.

Washington Luiz Rodrigues Fonseca, Secretário de Finanças. 

Washington Luiz é bacharel em direito pela Universidade Potiguar (UNP), segundo o secretário, uma das primeiras medidas da secretaria é reformar o código tributário do município, regulamentando ás taxas tributarias, e a criação do código de postura para a proteção do aspecto paisagístico e histórico, higiene e saúde pública, a insalubridade dos estabelecimentos comerciais, industriais, habitações, e outros. 

Participaram da posse de nomeação a vice-prefeita, Vera Lúcia, o vereador, José Antônio de Souza, o secretário de Administração, Tales Praxedes, funcionários, amigos e familiares do novo secretário de Finanças.


Defesa Civil constata erosão na parede externa do açude Pataxó e Barragem, além de problema no pilar da ponte

A Defesa Civil do Governo do Estado apresentou na tarde desta segunda-feira, 31, o primeiro relatório das áreas afetadas e áreas de risco em seis municípios atingidos pelas fortes chuvas deste ano.
No período de 19 a 26 de janeiro representantes da Comissão de Defesa Civil - CODEC, composta pela Secretaria de Justiça e Cidadania - SEJUC e Corpo de Bombeiros visitaram seis municípios que apresentam áreas de risco: Assu, Jucurutu, Ipanguaçu, Apodi, Tangará  e São Paulo do Potengi.
No município de Ipanguaçu, a Defesa Civil constatou erosão na parede externa da barragem do Pataxó, defeito nas comportas, impossibilitando sua abertura para dar vazão às águas e elevado nível das águas.
Em Assu foi constatado erosão na parede externa da barragem Armando Ribeiro Gonçalves, o que mostra a falta de manutenção, riscos de inundação e isolamento nos bairros Lagoinhas e comunidades de Linda Flor, Santo Antonio, Martins, Estevão e Ilha Forte, favela Belo Horizonte.
A Defesa Civil também constatou risco de inundação em cidades que margeiam o rio Piranhas, como Carnaubais, Pendências, Itajá, Alto do Rodrigues, Ipanguaçu, Macau e Porto do Mangue.
A Defesa Civil está fazendo notificações para correção dos problemas. Exemplo é o caso da ponte Felipe Guerra, no município de Assu, que apresenta problema no pilar 14 e em Jucurutu onde há problemas no sistema de bombas para evitar que as águas cheguem às residências e onde as comportas não funcionavam.
"O DNIT foi notificado pelo Governo do Estado e determinou providências para sanar o problema", informa Thiago Cortez, acrescentando que o DNOCS também está sendo notificado.  "Precisamos da atuação de todos, num trabalho conjunto e sequenciado para evitar dificuldades maiores à população", reforçou.

Fonte: http://dovale.zip.net/