i

domingo, 15 de abril de 2012

RN registra 199 homicídios este ano

Marco Carvalho - repórter/Tribuna do Norte

Renildo Francelino, Dalvimar da Silva, Gleydson Fagundes, Elcione Borges. Laykson Franklin, Wendell Evandro, Elionai Tavares, Kerginaldo Pereira. Abimael Wilk e Euclides Fernandes. Esses são apenas 10 dos quase 200 nomes que compõem uma lista escrita com letras de sangue em páginas da violência. O Rio Grande do Norte registrou durante os 100 primeiros dias de 2012, 199 assassinatos. Em média, 14 por semana. Os números escondem as histórias que formam uma realidade cruel e desumana. As estatísticas são encobertas pela fumaça densa e branca do crack e abafada pelo estampido das pistolas automáticas.
Adriano AbreuAs mortes por arma de fogo predominam nas estatísticasAs mortes por arma de fogo predominam nas estatísticas

Cada homem e mulher que tombou sem vida no território potiguar se tornou marca de uma crescente violência. Os "alvos" possuem perfis comuns e formam o padrão da morte. Quase 50% dos assassinatos envolvem jovens entre 15 e 25 anos - a grande maioria homens - e em mais de 90% dos casos foram utilizadas armas de fogo. As execuções têm como característica principal a ligação das partes com a comercialização de entorpecentes.

A equipe de reportagem da TRIBUNA DO NORTE reuniu durante mais de três meses as identidades das vítimas do descaso do Estado com a segurança pública.  Os dados foram atualizados diariamente através do website da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Estado (Sesed), baseado no registro de óbitos do Instituto Técnico-científico de Polícia (Itep). Apesar da riqueza de detalhes e informações à disposição da polícia, diversos casos permanecem sem solução e se acumulam em uma pilha que talvez nunca seja esclarecida. 

Enquanto os números se avolumam, a sociedade não vê os projetos previstos saírem do papel. A famigerada Divisão de Homicídios pode não se concretizar em 2012 e a Secretaria de Segurança já estuda outras medidas para conter o avanço da criminalidade. Para o secretário Aldair da Rocha, "a saída é investir".

A impunidade compromete a credibilidade do trabalho policial e dá espaço para o ciclo da criminalidade. A opinião é do promotor de Justiça de Investigação Criminal, Wendell Bethoven Ribeiro Agra. "Faz 15 anos que eu estou no Ministério Público e 12 que estou nessa promotoria. Posso dizer que eficiência da PC diminuiu nesse intervalo de tempo. Há 10 anos, a PC funcionava melhor do que funciona hoje", afirmou.

O Rio Grande do Norte revive o cenário traçado pelo escritor João Cabral de Melo Neto há mais de 50 anos, em seu "Morte e Vida Severina": "Morremos de morte igual, mesma morte severina: que é a morte que se morre de velhice antes dos trinta, de emboscada antes dos vinte". A morte severina agora ganhou traços da vida urbana, em que se mata por uma pedra de crack, por um cigarro de maconha. Por quase nada.


Continue lendo (AQUI)

Leonardo participa de aniversario de senhor de 90 anos


O prefeito Leonardo Oliveira (PT) esteve participando nesta ultima noite de sábado(14) na Comunidade de Língua de Vaca do aniversário do senhor Tiburcio, que completou 90 anos de idade.

A comemoração contou com a presença de amigos e familiares, quem esteve presente também foram os empresários Lila e Júnior Barreto.





Chico Buarque se apresenta nos dia 28 e 29 de maio em Natal

Estão confirmadas duas apresentações do cantor Chico Buarque em Natal. A Arte Produções traz o consagrado artista para se apresentar na capital do Rio Grande do Norte nos dias 28 e 29 de maio deste ano. Os espetáculos vão acontecer no Teatro Riachuelo.
A venda dos ingressos irá começar no dia 17 de abril, na bilheteria do teatro a partir de 12h. A turnê, que tem  apoio cultural da Gol Linhas Aéreas e leva o nome do último disco do compositor, ‘Chico’, lançado em julho de 2011 pela gravadora Biscoito Fino, já passou por seis cidades (Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Novo Hamburgo, Rio de Janeiro e São Paulo).