i

quinta-feira, 18 de junho de 2009

IPAN FEST 2009






COM O BLOCO




DIA 29 DE AGOSTO AQUI EM IPANGUAÇU.

EMBREVE A VENDA DOS ABADAS!


VOCÊ BÃO VAI FICAR FORA DESSA, VAI?

PAU DE SEBO DA PRINCESA ACUMULA E GRAFITH FAZ SHOW HOJE NO SÃO JOÃO DO ASSU

; Esta quinta-feira, 18 de junho, reserva atrações diferenciadas dentro da programação do São João do Assu. Às 17 horas, a Rádio Princesa do Vale, realiza o tradicional Pau de Sebo, das tardes juninas e hoje a premiação está acumulada, já que ninguém conseguiu chegar ao topo do pau, nos últimos dois dias do evento. Com isso, a edição de hoje do pau de sebo, terá uma premiação de R$ 300,00 (Trezentos Reais) e acontecerá por traz da loja Wilson Pneus e Peças, no centro da cidade. Ainda com relação ao São João, hoje será celebrada a 4ª noite do novenario religioso, dedicada a Indústria e ao Comercio da cidade do Assu. Após a novena, acontecerá a tradicional passagem do ramalhete da festa e serão iniciadas as apresentações culturais. Segundo a programação oficial do evento hoje estarão se apresentando a Orquestra Filarmônica Cristóvão Dantas; apresentação do Peti, Casa do idoso, e escolas das redes; municipal, estadual e privada. Os shows musicais da Noite de hoje serão das bandas, Invenção do Papai, Sufako de Luxo e Grafith, que se apresentará no Palco Principal da festa.

MUNICÍPIO ALERTA BENEFICIÁRIOS DO BOLSA FAMÍLIA PARA ATUALIZAÇÃO DO CADASTRO: O programa do Governo “Bolsa Família” está fazendo uma revisão cadastral de seus beneficiários, que estão recebendo o aviso da atualização dos dados no extrato do beneficio. O Decreto n.º 6.824 amplia de R$ 120 para R$ 137 o limite de renda familiar mensal per capita dos beneficiários do programa em situação de pobreza e para R$ 69 os que se encontram em Para as pessoas beneficiadas que são menores de idade, só será necessário a certidão de nascimento para o recadastramento. Já para os maiores de idade será obrigatório o RG, CPF, título de eleitor, carteira de trabalho e certidão de nascimento ou casamento. As pessoas convocadas devem procurar a secretaria de ação social do município segundo adianta a coordenadora desse setor na prefeitura do Assu Larissa Costa. Ela adianta informações importantes sobre p programa e alerta os beneficiários para observar a mensagem no extrato.

(REPORTAGEM – LARISSA COSTA -03.04)


FONTE: Rádio Princesa do Vale

MUNICÍPIO DO ALTO DO RODRIGUES SERÁ BENEFICIADO COM MAIS UM PSF

; O Estado do Rio Grande do Norte contará com mais 55 equipes da estratégia do Programa Saúde da Família (PSF). O Ministério da Saúde (MS) credenciou as equipes de Saúde da Família e autorizou a contratação de 333 novos agentes comunitários de saúde, distribuídos em 10 municípios: Alto do Rodrigues, Arês, Goianinha, Governador Dix-Sept Rosado, Monte Alegre, Riachuelo, Brejinho, Felipe Guerra, Portalegre e São Miguel. No Estado, o PSF está presente nos 167 municípios, ao todo são 853 equipes e 5.224 agentes comunitários de saúde em atividade, responsáveis pelo atendimento de mais de 2,4 milhões de pessoas. Cada equipe do Programa Saúde da Família fica responsável por uma população de 3,5 mil a 4 mil habitantes, ou mil famílias. Elas são responsáveis pelas ações de promoção da saúde, prevenção, recuperação, reabilitação de doenças e agravos mais freqüentes, e na manutenção da saúde das pessoas atendidas. A composição mínima de cada equipe é de um médico, um enfermeiro, um auxiliar de enfermagem e até 12 agentes comunitários de saúde. Além das equipes do PSF, foi autorizada ainda a implantação de 36 novas equipes de Saúde Bucal (ESB) no Estado, distribuídas em seis municípios: Alto do Rodrigues, Arês, Goianinha, Governador Diz-Sept Rosado, Monte Alegre e Riachuelo. O Rio Grande do Norte conta, atualmente, com 781 ESB. Para a implantação de cada equipe, os municípios recebem R$ 7 mil e, depois, um incentivo financeiro mensal de R$ 1,9 mil a R$ 2,4 mil por equipe.
VAERTON ACUSA TUNEFIS MORAIS DE 'PASSEAR E FARREAR' COM CARRO DA CÂMARA DE IPANGUAÇU; O Comentário Político é do jornalista Valderi Tavares. (REPORTAGEM – COMENTÁRIO – VT 03.17)

SENADO APROVA PEC QUE REDUZ GASTOS E ABRE CAMINHO PARA 7 MIL VAGAS DE VEREADOR;

Sob pressão de vereadores e suplentes, o Senado aprovou ontem, por 62 votos a 4, a chamada PEC (proposta de emenda constitucional) dos vereadores, que reduz os gastos das Câmaras Municipais do país. A proposta fixa percentuais de gastos para as Câmaras de acordo com o tamanho dos municípios --que variam de 6% a 3,5%. O texto segue agora para votação na Câmara. Para aprovar a PEC, o suplente de vereador Aroldo de Azeredo (PSB), de Itiúba (BA), chegou a realizar greve de fome dentro do Congresso nacional. Os suplentes acreditam que vão assumir cadeiras nas Câmaras de Vereadores com a aprovação da PEC. Assu é dos municípios onde haverá aumento de vagas na câmara municipal. É que a Câmara dos Deputados se comprometeu a pedir a promulgação da PEC que cria 7.343 vagas de vereadores se a redução dos gastos das Câmaras Municipais fosse votada no Senado. A PEC prevê a redução para 6% nos gastos das câmaras localizadas em municípios que têm entre 101 a 300 mil habitantes. Cidades com 301 mil a 500 mil habitantes poderão gastar até 5% do orçamento. Os municípios com 501 mil a 3 milhões de habitantes deverão reduzir para 4,5% o limite de gastos, enquanto cidades com a população entre 3,1 milhões e 8 milhões terão permissão de consumir 4% de seus orçamentos. Os municípios com mais de 8 milhões de habitantes deverão gastar até 3,5% dos recursos com as Câmaras Municipais



PENDENCIAS RECEBERÁ MAIS DE UM MILHÃO DE REAIS PARA COIBIR EFEITO DAS ENCHENTES;

O vice-governador Iberê Ferreira de Souza conseguiu a liberação de 20 dos R$ 30 milhões anunciados pelo ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, em visita ao Estado no período das chuvas. Em audiências no Ministério da Integração Nacional, em Brasília, o vice-governador garantiu os recursos para recuperação dos danos provocados pelas enchentes no Rio Grande do Norte. Os municípios do Vale do Assu afetados pelas cheias e que fizeram todo o processo burocrático exigido pele defesa civil nacional estão recebendo os recursos para investir na infra-estrutura que foi danificada. O vice-governador explicou que inicialmente o pleito do RN era de R$ 47 milhões, mas apenas R$ 30 milhões foram empenhados e publicados na edição do dia 21 de maio de 2009 do Diário Oficial da União. De acordo com informações do Ministério da Integração Nacional, os recursos obtidos em Brasília só poderão ser aplicados na recuperação de rodovias, pontes, prédios públicos, residências, açudes e outras obras de infra-estrutura danificadas pelas últimas chuvas. O valor não cobre, por exemplo, as perdas do setor produtivo. O município de Pendências está sendo beneficiado com mais de um milhão de reais como informa o prefeito Ivam Padilha (PMDB).

(REPORTAGEM – IVAM PANDILHA – 01.49)


FONTE: Princesa do Vale

ASSÚ FARÁ PARTE DE ITINERÁRIO DE PROJETO CULTURAL DA PETROBRAS NO MÊS DE JULHO

; O município de Assú foi incluído na relação de cidades do Rio Grande do Norte que serão contemplados com as atividades de um projeto cultural que será patrocinado pela Petrobras. A informação é transmitida pelo diretor-geral do Centro Escolar de Arte e Cultura (Cenec), Gilvan Lopes de Souza. O dirigente cultural do município esteve na manhã de ontem na capital do Estado, participando de um encontro com representantes da companhia estatal para discutir os detalhes de tal projeto. Gilvan Lopes declarou que o projeto prevê a realização de uma série de oficinas artístico-culturais. Ele observou que as ações previstas se direcionarão para a população em geral, porém, terão um foco especial voltado para o segmento estudantil. A Prefeitura dará sua contrapartida na realização no apoio logístico. A programação que acontecerá na cidade de Assú está previamente agendada para o dia 29 de julho, um da de quarta-feira, às 19h. O diretor-geral do Cenec salientou que a inclusão de Assú em tal iniciativa reforça a expectativa de consolidação de parcerias entre o governo municipal e a companhia petrolífera, conforme apregoa o prefeito Ivan Lopes Júnior. Gilvan Lopes lembrou que o prefeito municipal tem trabalhado intensamente no sentido de atrair a participação se várias entidades e instituições para que possam realizar atividades diversas consorciadamente com a Prefeitura Municipal do Assú.

DECISÃO SOBRE CASSAÇÃO EM ANGICOS FICOU PARA O PRÓXIMO DIA 25;

Mais uma vez o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) adiou a decisão do recurso eleitoral 9080 que trata da cassação, ou não, do prefeito Jaime Batista dos Santos (DEM) e do seu vice, Clemenceau Alves (PMDB). A expectativa era de que o desfecho saísse na ultima terça-feira, durante a 45ª sessão ordinária do pleno, depois do voto do juiz Fábio Hollanda, que havia pedido vista do processo. Depois de votar contra a cassação e apresentar um relatório alegando que a prova testemunhal não dava motivo favorável ao recurso, foi à vez do relator, Fernando Pimenta, pedir vista para analisar a última decisão. A garantia é que até quinta-feira, 25, seja dado o parecer final. No placar, até agora, a oposição, liderada pelo ex-prefeito Ronaldo Teixeira (PSB) e seu vice, Deusdete Gomes (PTB), ganha por três a um, com os votos do relator, Fernando Pimenta, desembargador Cláudio Santos e da juíza federal Lena Rocha. O presidente do TRE, Expedito Ferreira, e os juízes Magnus Delgado e Roberto Guedes ainda não se pronunciaram. O Ministério Público foi o primeiro a pedir a cassação de Jaime e Clemenceau. A sentença deveria ter sido julgada no último dia 26 no Tribunal Regional, porém foi interrompida depois que Fábio Hollanda pediu vistas para analisar os autos. Várias testemunhas confirmaram que os réus davam dinheiro, botijões de gás e cestas básicas aos eleitores meses antes do pleito, pedindo em alguns casos que modificassem a escolha do candidato. O pedido de cassação, impetrado na comarca de Angicos, foi feito pela coligação "Força do Povo", liderada por Ronaldo e Deusdete, que perdeu a eleição em outubro passado.

Segundo matéria publica ontem pelo Jornal de Fato, o vereador Jalmir Dantas, disse que embora a decisão esteja demorando, os acusados não terão escapatória, tendo em vista a quantidade de provas que indicam o crime, assim como a intenção de três responsáveis pelo pleno. O ex-prefeito Ronaldo Teixeira disse que a única coisa a fazer é esperar. Em Angicos, depois do pedido de vista do juiz Fábio Hollanda, os aliados do prefeito Jaime Batista dos Santos (DEM) e do seu vice, Clemenceau Alves (PMDB) saíram às ruas para comemorar com carreata e fogos de artifício.

"LEI SECA" REDUZ INTERNAÇÕES E ÓBITOS EM MAIS DE 20%;

Um ano após entrar em vigor no Brasil, a “Lei Seca” mostra resultados positivos que confirmam a importância de manter e intensificar a fiscalização de motoristas que dirigem embriagados. De acordo com levantamento do Ministério da Saúde, divulgado ontem (17), em Brasília, o número de internações provocadas por acidentes de trânsito nas capitais brasileiras reduziu de 105.904, no segundo semestre de 2007, para 81.359, no segundo semestre de 2008. Ao todo, foram menos 24.545 hospitalizações - o que representa queda de 23% nos atendimentos às vítimas do trânsito financiados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Quando avaliadas as internações registradas nas capitais, entre o primeiro e o segundo semestre de 2008, houve redução de 3.325 internações por acidentes de trânsito, uma queda de 4%. O impacto positivo da “Lei Seca”, de 20 de junho de 2008, foi percebido também na redução da mortalidade. No segundo semestre de 2008, foram registradas 2.723 óbitos relacionados aos acidentes de trânsito, contra 3.519, no segundo semestre de 2007. Portanto, ocorreram menos 796 óbitos - redução de 22,5%. Na comparação entre o primeiro e o segundo semestre de 2008, que compreende seis meses antes e seis meses depois da “Lei Seca” ser aplicada, o Brasil apresentou uma redução de 459 óbitos (queda de 14%). Para chegar aos resultados do impacto da “Lei Seca” nas internações e mortes associadas ao trânsito, o Ministério da Saúde usou como base os dados dos sistemas de Informações sobre Mortalidade (SIM) e de Internações Hospitalares (SIH), além do Inquérito Nacional de Fatores de Risco e Proteção para Doenças e Agravos não Transmissíveis (VIGITEL). Essas são as fontes que vem sendo utilizadas pela pasta para o monitoramento dos impactos da “Lei Seca” nos atendimentos do SUS e na ocorrência de óbitos no Brasil. A análise levou em consideração apenas as informações das capitais brasileiras. As cidades que registraram reduções tanto de internações quanto nos óbitos foram São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Fortaleza, Porto Alegre e Recife. Porém, capitais como Belo Horizonte, Belém e Teresina registram aumento.