i

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Prefeitura de Ipanguaçu entrega última etapa do projeto habitacional de Pedrinhas 2


 Dentro do projeto de habitação municipal, a Prefeitura de Ipanguaçu e a Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Semthas), promoveram nessa sexta-feira, 20, à entrega de 16 casas, as unidades fazem parte da última etapa do projeto habitacional da comunidade de Pedrinhas 2. No primeiro semestre desse ano foram entregue 24 unidades habitacionais, ao todo estão sendo beneficiadas 40 famílias em vulnerabilidade social, coabitação e em situação de risco.

Para a secretária Cristina Oliveira, a política de habitação garante as famílias um lugar digno para o crescimento da família. “A casa sempre é o sonho de qualquer família, com essa entrega mais 16 famílias tem a chance de ter seu próprio imóvel e 'chamar de meu'. Uma conquista para elas, e para nós, enquanto poder público”, considera a secretária. 

As unidades habitacionais fazem parte da parceria com o Governo Federal através do Ministério das Cidades, na qual está incluído o programa Minha Casa, Minha Vida 2. A parceria garantiu o investimento de R$ 1 milhão. 

Maria das Graças Gonçalves, 28 anos, ex-moradora da comunidade de Baldum, já planeja a mudança de sua família, morando de aluguel há anos, ela avalia que a casa é uma de suas maiores conquistas. “Graças a Deus agora tenho a minha casa. Vou ficar mais próximo da minha mãe e da escola da minha filha, essa casa é um grande presente, agora é viver feliz para sempre” afirma. 

As unidades habitacionais entregues têm uma área construída de 40,30m², cada. A casa conta com dois quartos, sala, cozinha, banheiro com acessibilidade e área de serviço.

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Prefeitura oferece exame de mamogradia gratuitamente

A Prefeitura do Ipanguaçu em parceria com a Unidade Móvel de Mamografia Digital (Amigos do Peito) deu inicio ontem, 16, a oferta de exames gratuitos para prevenção do câncer de mama. A unidade móvel oferecerá 240 momografias o atendimento é agendado e pode ser marcado na Secretaria Municipal de Saúde, o atendimento acontece até a quinta-feira, dia 19. 

Para fazer o exame é necessário apenas a apresentação do cartão do Sistema Único de Saúde (SUS), documento de identidade, CPF, comprovante de residência (com CEP) e o nome da mãe. É importante destacar que no mamógrafo móvel, a demanda é espontânea para as mulheres que fazem parte do grupo de necessidade – com idade entre 50 e 69 anos.

Semana do bebê acontece durante essa semana em Ipanguaçu


O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e a comissão Pró-Selo UNICEF promovem em parceria com a Prefeitura e outras entidades, mais uma “Semana do Bebê”. Com a programação aberta na noite dessa segunda-feira, 16, a semana prevê atividades até a sexta-feira direcionada a gestantes, mães e crianças.

Na noite desta segunda-feira, 16, a programação foi aberta na Câmara de Vereadores, com a mesa redonda: “Cuidar da Primeira Infância – Papéis diversos, amor de todos!”, a programação anual da Semana do Bebê vai promover atividades em toda a cidade.

Segundo o articulador do selo no município, Luiz Antônio Tavares, a semana do bebê se constitui como uma estratégia de articular a sociedade como um todo em torno da primeira infância.

“Esperamos reunir o maior número de pessoas envolvidas em trabalhos que valorizem e ajudem através das as ações dos mais variados setores, desde os que fazem a gestão aos que representam a sociedade civil organizada como igrejas e associações, na construção de um município melhor para as gestantes e nossos meninos e meninas na faixa etária de 0 a 6 anos”, disse o articulador, que acredita que será uma semana de mobilização e de prestação de serviços, com muita informação e acima de tudo, muitas demonstrações de carinho e amor pelas criancinhas ipanguacuenses.

Na quinta-feira, 19, a cidade realiza o Iº Seminário "Um município para as crianças" que vai reunir cerca de 100 convidados, entre profissionais de todas as áreas e representantes da sociedade ipanguacuense, além de autoridades. Nele, a enfermeira Delma Pontes que é coordenadora da atenção básica no município, discorrerá sobre os cuidados com o bebê, sob um olhar da área da saúde com base na experiência de quem já trabalhou em maternidade, porém apontando para a necessidade de cuidar do Bebê em todos aspectos. Além desse momento, os presentes, inclusive adolescentes e crianças da educação infantil, vão propor ações para a construção do Plano Municipal Pela Primeira Infância - PMPI de Ipanguaçu.
“Um dos principais objetivos da semana do bebê é a mobilização, critério de avaliação do Selo. Fazer com que toda Ipanguaçu conheça, participe e interaja”, reitera o articulador.

A programação completa da Semana do bebê está disponível no site: www.Ipanguacu.rn.gov.br.

Em Ipanguaçu, 3º Seminário Ler faz Crescer discute literatura, diversidade e direitos humanos



Enquanto muitos municípios potiguares discutem a inclusão dos termos gênero e diversidade sexual no Plano Municipal de Educação (PME), o município de Ipanguaçu, já com seu plano aprovado, mobiliza a comunidade escolar e a sociedade civil na luta pelo diálogo e respeito no ambiente escolar e fora dele. Na última semana, de 11 a 13 de novembro, a cidade foi sede da 3ª edição do Seminário Ler Faz crescer, que trouxe como tema: “A terceira margem do rio: leituras do diverso, imagem do outro”.
Ocorrido no câmpus do IFRN-Ipanguaçu, educadores, especialistas e a comunidade acadêmica local, estadual e de outras unidades federativas como RS, CE e PB, fizeram parte de uma sequência de círculos de conversas sobre leitura, literatura, diversidade e direitos humanos.

O seminário recebeu 31 convidadas e convidados vindos de vários lugares do RN: Itajá, Assú, Mossoró e Natal, além de outros estados brasileiros, como Ceará, Paraíba e Rio Grande do Sul. A participação dos convidados foi fundamental no enriquecimento do seminário. “Foram compartilhados conosco os dias de luta, militância, dedicação, diálogo e até de embates em defesa da formação cidadã, da formação de leitores, da formação de um país melhor para nós, brasileiras e brasileiros. E tudo isso, evidentemente, passa pelo chão da escola”, afirma o prof. André Magri, coordenador do seminário. 

A secretária de Educação do município, a professora Jeane Dantas, destaca que o seminário realizado promove uma importante discussão que deve ter início no ambiente escolar, e que essa discussão age com grande relevância no empoderamento da sociedade enquanto as amarras sociais ainda muito presente no contexto atual. “Nossos educadores tem papel fundamental na formação de nossos alunos. Não existe doutrinação, existe formação de uma sociedade consciente, de seus direitos e deveres, e para isso é necessário a formação enquanto leitores. Os muros das escolas estão rompidos há muito tempo, e a escola tem representatividade social, mas para isso é preciso saber como utilizá-la”, disse.

Durante os três dias, entraram nos ciclos de conversas a luta em defesa da formação de leitores, trazendo ao debate o valor da luta negra, a importância da educação na desconstrução de preconceitos e discriminações em relação às religiosidades e não-religiosidades que fogem ao cristianismo, como também a luta do empoderamento das mulheres e da população LGBTT. 

A professora Marina Ridel, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, avalia o seminário como uma “forte política pública em defesa dos direitos humanos na sociedade”. O educador em língua materna, professor Alan Dantas, afirma que “este seminário em Ipanguaçu é vanguarda, é sinal de tempos de esperança e luta na construção de uma cidade de leitores potencialmente mais humanos”. A Elinadja Fonseca, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará, destacou o “caráter multicultural e abrangente do seminário, o que contribui com o fortalecimento da formação docente dos participantes”, ao passo que a estudante Carolina Porto, da Universidade Federal da Paraíba, encara a ação como “espaço indispensável e empoderador das populações marginalizadas socialmente no país”.




domingo, 15 de novembro de 2015

Festa da capela da Divina Misericórdia em Angélica tem início na quinta

ARQUIDIOCESE DE NATAL
PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DE LOURDES
CAPELA DA DIVINA MISERICÓRDIA
COMUNIDADE DE ANGÉLICA
IPANGUAÇU/RN

FESTA DA DIVINA MISERICÓRDIA 2015

“Sejam misericordiosos, assim como o Pai de vocês é misericordioso.”
(Lucas 6, 36)


>Programação

19/11 – Quinta-feira - Caminhada de Abertura e Noite das Famílias – MISSA DE INAUGURAÇÃO DA CAPELA e 1ª Eucaristia
6h – Terço da Misericórdia
19h – Caminhada - Saída: Capela Santa Clara – Canto Claro
19:30 – Missa
Celebrante: Pe. César Bessa
Animação: Luz Divina
Convidados: Apostolado da Oração, Grupo de Oração Jesus Misericordioso (Centro), Terço dos Homens, Grupo de Oração Santa Rita de Cássia (Ilha Grande), Coração de Jesus (Itu), Legião de Maria (Picada), Comunidade de Porto, Grupo São José (Progresso), Grupo São Sebastião (Pedrinhas), Grupo Coração de Maria (Santa Maria).

#Quermesse


20/11 – Sexta-feira - Noite das Crianças, Infância, Adolescência e Juventude Missionária e Movimento da Mãe Peregrina
6h – Terço da Misericórdia
19:30 – Celebração da Palavra
Celebrante: Rafael Cosme
Animação: Juventude Missionária de Luzeiro
Convidados: Grupo de Oração Santa Teresinha, São Francisco Xavier (Bairro Maria Romana), N. Sra. da Saúde (Olho D'água), N. Sra. das Dores (Bairro Manoel Bonifácio), Coração de Maria (Luzeiro), Coração de Jesus (Luzeiro) e N. Sra. da Conceição (Ubarana), Infância, Adolescência e Juventude Missionária, Juventude Missionária (Canto Claro e Centro), Cáritas Paroquial e Movimento da Mãe Peregrina.


#Quermesse

21/11 – Sábado - Noite dos Trabalhadores, Saúde, Educadores e Idosos
6h – Terço da Misericórdia
9h – Batizados
15h – Terço da Misericórdia com Acolhida aos Missionários da Diocese de Caicó
19:30 – Celebração da Palavra
Celebrante: Terço dos Homens de Alto do Rodrigues
Convidados: Irmandade Santa Clara (Canto Claro), Grupo de Oração Santa Ângela (Capivara), Fraternidade de Santo Antônio (Língua de Vaca), Grupo da Divina Misericórdia (Sítio São José), Grupos da Capela de Santo Expedito (Vila Mestre Severino) e Apostolado Exército de santo Expedito (Baldum), Grupo de Jovens de Língua de Vaca e Infância Missionáia de Taboleiro Alto.
Animação: Terço dos Homens

# Jantar da Misericórdia – Senhas R$ 5,00

Dia 22/11 – Domingo - DIA DA DIVINA MISERICÓRDIA
15h – Terço da Divina Misericórdia
16h – Procissão
17h – Missa e Consagração do Apostolado da Divina Misericórdia.
Celebrante: Pe. César Bessa
Animação: Coral de Arapuá
Convidados: Comunidade de Pau de Jucá, Legião de Maria e Grupo de Jovens (Arapuá), Grupo de Oração São José (Tabuleiro Alto), Legião de Maria (Canto Grande) e Comunidades de Tira Fogo, Serra do Gado e Assentamento Olho D'água.

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Agricultores podem se cadastra no Programa Venda em Balcão

A Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Ipanguaçu informa a todos os pecuaristas de Ipanguaçu, que a partir desta terça-feira, dia 03 de novembro, a Secretaria Municipal de Agricultura estará realizando o novo cadastro do Programa Venda em Balcão da CONAB, que disponibiliza a venda do milho com o preço abaixo de mercado.

Os interessados devem procurar a respectiva Secretaria de segunda à sexta-feira, das 7 às 13h, com os seguintes documentos:

1. IDENTIDADE E CPF
2. COMPROVANTE DE RESIDENCIA ATUALIZADO
3. DOCUMENTO DA PROPRIEDADE (escritura pública, contrato de arrendamento, comodato, carta de anuência, posse etc.... e/ outro título da terra);
4. COMPROVANTE DE VACINAÇÃO AFTOSA REBANHO BOVINO;
5. FICHA DE DECLARAÇÃO DE REBANHO / FICHA SANIT. PROP. RURAL (para os demais rebanhos)
6. PRONAF DAP (certificado do INCRA)

Escolas de Ipanguaçu escolhem novos diretores nesta quinta-feira


Nesta quinta-feira, 05, a comunidade escolar de quatro escolas municipais de Ipanguaçu irão as urnas para a escolha dos novos diretores (as) e vice-diretores (as). A eleição faz parte do processo de democratização das unidades escolares, assinado em 2011, pelo prefeito Leonardo Oliveira. A Escola Municipal Nelson Borges Montenegro, na comunidade de Picada, foi a única a não registrar candidatura aos cargos. 

Para a secretária de Educação, a professora Jeane Dantas, o processo fortalece a educação pública para a descentralizada da gestão, fazendo do espaço escolar a construção da democracia. “Nada mais do que propicio dá inicio a esse processo pela democracia nos espaços escolares. Incentivar a comunidade escolar a participar dessa decisão é uma conquista importante na elaboração de uma educação cada vez mais forte”, disse Jeane.

O processo eleitoral nas Escolas Francisco Florêncio Lopes (Pataxó), Adalberto Nobre de Siqueira (Tabuleiro Alto), Francisco Targino Nobre (Língua de Vaca) e Francisca da Salete Ribeiro Barreto (Bairro Ilha Grande).

No dia 05, a votação terá inicio às 8h e seguirá até às 17h, horário local. As mesas receptoras serão compostas pela própria comunidade escolar local, e fiscalizadas pela Comissão Municipal para Diretores e Vice-diretores das Escolas da Rede Municipal de Ipanguaçu. O voto é direto e secreto e ocorre em cédulas de papel.

Candidatos aos cargos de diretores (as) e vice-diretores (as):

1. Não houveram inscritos para candidatos a direção da Escola Municipal Nelson Borges Montenegro;
2. Escola Municipal Adalberto Nobre de Siqueira: Maria da Conceição Lopes de Sousa (candidata a diretora) e Manoel Gilvan de Melo (candidato a vice-diretor);
3. Escola Municipal Francisco Florêncio Lopes: Maria Maísa Marcolino Almeida (candidata a diretora) e Francisca Cristina Barbalho (candidato a vice-diretora);
4. Escola Municipal Targino Nobre de Siqueira: Ana Germano de Paiva Melo (candidata a diretora);
5. Escola Municipal Professora Salete Ribeiro Barreto: Márcia Suelly dos Santos Oliveira Araújo (candidata a diretora) e Maria de Lourdes dos Santos Filgueira (candidata a vice-diretora); Maria Concebida Fonseca Oliveira (candidata a diretora) e Fábia Cristina do Nascimento Florêncio (candidata a vice-diretora).

Em Ipanguaçu, unidade Móvel vai oferecer exame de imagem de gratuitamente


O mês de outubro foi dedicado a campanha pela prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama e do colo do útero. Na última semana a Secretaria Municipal de Saúde promoveu no Centro de Saúde Tibúrcio Freire da Silveira, o Dia “D” de conscientização, com o Outubro Rosa.

Segundo o secretário Tales Praxedes, as Unidades Básicas de Saúde(UBS) e as equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF), estiveram engajadas durante todo o mês reforçando os cuidados a serem tomados pelas mulheres, além da conscientização pelo o diagnóstico precoce, oferecendo o atendimento e o acompanhamento médico. “Esse trabalho tem sido diário em nosso município. Ao oferecer atenção básica, temos ainda a preocupação nos casos mais complexos, para isso temos pactuado exames para oferecer a nossa população. O importante é termos nossas famílias com a saúde em dia”, disse.

Durante o Dia “D”, ocorreram palestras, teste rápido de investigação da infecção de vírus do HIV e sífilis, verificação de glicemia e aferição da pressão arterial.

Para o prefeito Leonardo Oliveira, presente na atividade, é importante o envolvimento da mulher na campanha, mas também a do homem na prevenção e combate a doenças, em que o homem não está imune. “Tanto a mulher, quanto o homem precisam está com a saúde em dia. O mês de novembro será dedicado a nós homem, e para isso é necessário atenção e participação”, chama atenção o gestor municipal.

A edição 2015 do Outubro Rosa chegou ao fim, mas as atividades de prevenção continuam. Nos dias 12, 13, 14 a Prefeitura através da parceria entre a Secretaria e a Liga Norte Rio-Grandense contra o Cânce oferecerão o exame de momografia, que buscará atender mais de 200 mulheres, com o exame de imagem.

“Uma unidade móvel estará em Ipanguaçu para o exame de imagens. Para isso convidamos as mulheres para procurar um médico, ou sua própria UBS para as orientações e triagem. A Secretaria de Saúde está à disposição para tirar qualquer dúvida”, reitera o secretário.

Neste mês de novembro a campanha pela saúde do homem está prevista para acontecer ao longo do mês, o dia “D” do Novembro Azul está agendado para o dia 14. A expectativa é conscientizar os homens na prevenção ao câncer de próstata, além de incentivar a procura do sistema de saúde com maior frequência.