i

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Prefeitura de Ipanguaçu garante repasse integral a agentes comunitários de saúde


O município de Ipanguaçu é o único do Brasil a conceder o repasse integral estabelecido pelas portarias do Ministério da Saúde aos agentes comunitários de saúde do país. De 2009 até 2013, esses valores evoluíram de R$ 651 para os atuais R$950. 

Quem confirma esta informação é o presidente do Sindicato dos Agentes de Saúde do RN (SINDAS/RN), Cosmo Mariz, que acompanha diariamente as lutas da categoria, ele disse que o município de Ipanguaçu é o único que realiza o repasse do salário base integral estabelecido pelo governo brasileiro através da primeira portaria n° 2.008, de 1º de setembro de 2009, “Essa é uma situação invejável em todo Brasil, mas que deve servir como exemplo para todos os municípios, pois a realidade financeira de todas as prefeituras, levando em consideração a proporcionalidade da receita e do Fundo de Participação é a mesma de Ipanguaçu, mas nem por isso o prefeito deixou de reconhecer a importância dos agentes de saúde” disse Cosmo Mariz. 

Os Agentes Comunitários de Saúde são profissionais vinculados às UBSs (Unidades Básicas de Saúde), eles realizam ações individuais ou coletivas de prevenção a doenças e promoção de saúde por meio de ações educativas nos domicílios e na comunidade. 

Para o prefeito Leonardo Oliveira, é de suma importância que a Prefeitura possa estimular os profissionais e garantir a eles condições de trabalho e remuneração pelo papel a qual exercem no município, “sabemos que é de grande valia este incentivo financeiro referente aos Agentes Comunitários de Saúde, uma estratégia dentro da Saúde da Família que é garantido aos funcionários de nossa cidade, assim esperando o retorno de um trabalho eficaz e de qualidade as famílias do nosso município” disse o prefeito. 

Com isso a Prefeitura ainda deposita a contrapartida municipal com o adicional de insalubridade e 14% de INSS patronal, chegando a um salário de R$ 1040,00 (um mil e quarenta reais). 

O agente de saúde de Ipanguaçu, Carlos Rondnny, fica feliz pelo avanço que a categoria vem tendo no município, “muitas cidades pelo país travam lutas a fim de ser reconhecidos, e nos mediante contato com a gestão municipal desde 2009 temos ganhado reconhecimento e valorização, quanto servidores que se dedicam para a qualidade de vida da população” destaca. 

Prefeitura de Ipanguaçu realiza recadastramento dos servidores públicos


Medida atinge concursado, comissionados e contratados. Recadastramento segue até dia 30 de Abril. 

A Prefeitura de Ipanguaçu deu início esta semana o recadastramento de todos os servidores públicos municipais, a medida atinge concursados, comissionados e contratados de todas as repartições públicas ligadas diretamente ao poder público municipal, o recadastramento segue até o dia 30 deste mês. 

Para o Secretário Municipal de Planejamento e Administração, Silvio Nobre, o recadastramento busca a informatização dos servidores em um novo sistema e atender a resolução Nº 030/2012 do Tribunal de Constas do Estado (TCE), “é importante que todos os servidores públicos ativos do município façam o recadastramento, afim de que não haja impasse na hora de gerar a folha de pagamento” disse o secretário. 

O recadastramento está acontecendo 8 as 13hs atendendo o cronograma estabelecido pela Secretaria, o atendimento acontecera na Sede da Prefeitura na Sala 12 – Recursos Humanos, de 25 a 26: Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social – SEMTHAS, Secretaria Municipal de Saúde – SEMUS, e de 29 a 30: Secretaria Municipal de Educação – SEMEI, Secretaria Municipal de Planejamento e Administração – SEMPLAD, Secretaria Municipal do Gabinete do Prefeito – SEMGAP, Secretaria Municipal de Articulação Política – SEMARP. 

Para efetivar o recadastramento é necessário que o servidor esteja munidos de copias de todos os documentos pessoais, como, RG, CPF, carteira de trabalho, titulo de eleitor com o comprovante da ultima eleição, comprovante de residência, reservista, PIS/PASEP, declaração de escolaridade, registro profissional, registro de casamento ou nascimento, registro dos filhos acompanhado da carteira de vacinação. Nos dias 29 e 30, o atendimento acontece de 8 as 13 e de 14 às 17hs, em horário de plantão, para quem deixou para última hora. 

Sindsep realiza fóruns durante paralisação

De 23 a 25 de abril, a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) e seus sindicatos filiados estão realizando uma greve nacional para debater com a categoria e a sociedade brasileira a importância da valorização dos/as trabalhadores/as em educação para a conquista do direito à educação de qualidade. 


Em Ipanguaçu o Sindicato dos Servidores Públicos de Ipanguaçu (Sindsep) segue com a paralisação, só que aproveitou o momento para realizar ontem (23) do I Encontro Municipal de Orientação a Saúde em parceria com o Núcleo de Apoio à Saúde da Família – NASF.

Na manhã de hoje (24) o Sindsep promoveu na câmara de vereadores a o II Fórum municipal com o tema "Ética nas relações e atividades humanas" apresentação do estatuto do servidor, sobre os direitos e deveres dos servidores públicos estatutários.

Propaganda partidária custará R$ 300 milhões em 2013


propaganda eleitoralA corrida presidencial de 2014 já começou e a propaganda partidária é um dos principais pilares para os possíveis candidatos. Mesmo não sendo ano eleitoral, a União deixará de arrecadar cerca de R$ 300 milhões em razão de propagandas partidárias. Em exercícios que não possuem pleitos gerais nem municipais, como 2013, a isenção tributária para o horário eleitoral continua em vigor, pois são veiculadas propagandas institucionais das agremiações políticas.
Em 2009, por exemplo, quando não houve pleito, a estimativa de perda de arrecadação foi de R$ 669 milhões, a segunda maior nos últimos onze anos. Entre 2002 e 2012, a Receita Federal deixou de arrecadar R$ 4 bilhões em razão dos períodos eleitorais. As emissoras de rádio e televisão recebem para transmitirem a propaganda partidária, que não é paga pelos candidatos e partidos políticos.

Eleitor que não votou nas últimas eleições tem até amanhã para justificar ausência


Termina amanhã (25) o prazo para que os eleitores que não votaram e não justificaram a ausência nas três últimas eleições regularizem a situação. Sem isso, o título será cancelado e o eleitor não poderá, por exemplo, obter carteira de identidade, passaporte, renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo e obter empréstimo em instituições governamentais.
Para ficar quite com a Justiça Eleitoral é preciso comparecer ao Cartório Eleitoral levando documento oficial com foto, título de eleitor, comprovantes de votação, de justificativa e de recolhimento de multa ou dispensa. O eleitor pode consultar sua situação e verificar se existe alguma pendência na página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na internet.

Voo que saía de Brasília é suspenso por causa de ameaça de bomba


acidente golO voo 1646 da Gol, que saía do aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília, para Manaus e Boa Vista foi suspenso na noite desta terça-feira (23) depois que um dos passageiros falou que haveria uma explosão na aeronave.A Polícia Federal foi acionada e a suposta bomba não foi encontrada.
O homem que causou todo problema foi liberado depois de prestar depoimento na PF.O avião deveria ter decolado para Manaus às 21h50. Os 146 passageiros tiveram que voltar à sala de embarque para inspeção de todas as bagagens e do interior da aeronave.
Publicado por Robson Pires