i

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Joaquim Barbosa é eleito presidente do Supremo Tribunal Federal


Barbosa substitui Ayres Britto, que se aposenta em novembro
O ministro Joaquim Barbosa foi eleito nesta quarta-feira (10), o novo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF). A eleição, realizada por voto secreto, aconteceu antes do julgamento do mensalão. Ricardo Lewandowski será o vice-presidente.
Pelas regras da Corte, assume a presidência o ministro mais antigo que ainda não tenha ocupado o cargo. O mandato é de dois anos. Joaquim Barbosa substituirá Carlos Ayres Britto, que se aposenta compulsoriamente em novembro, quando completa 70 anos.
Aos 58 anos, Barbosa será o primeiro presidente negro da Corte Suprema, segundo a Fundação Palmares. O ministro compõe o STF desde 2003 e foi indicado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Barbosa está em destaque desde que assumiu a relatoria do processo do mensalão.
Com informações da Agência Brasil

Preso federal custa R$ 3.312 ao mês, contra R$ 1.498 de estudante de faculdade


O custo de um preso em uma penitenciária federal supera em até 120% o valor médio de um aluno do ensino superior público no Brasil, segundo levantamento do R7 com base em informações do Depen (Departamento Penitenciário Nacional, do Ministério da Justiça) e do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, no levantamento Investimentos por Aluno por Nível de Ensino- Valores Nominais).


O preso federal custa R$ 3.312 por mês, enquanto um aluno de uma faculdade pública requer, em média, R$ 1.498 para ser mantido no mesmo período. Para o jurista Luiz Flávio Gomes, essa discrepância aponta um problema estrutural.
— [A diferença nos valores] reflete o erro histórico do nosso País, que adota políticas repressivas no lugar de políticas de prevenção da violência. A mentalidade brasileira é repressiva. A população é iludida com esta sensação de segurança.

Tamanho não é “documento” nas eleições municipais da Paraíba



O ditado popular, “tamanho não é documento”, se fez valer nas eleições municipais da Paraíba. Enquanto Santino Feliciano da Silva (PT do B), com apenas 1,08m, foi eleito vereador de João Pessoa, o homem mais alto do país, Joelison Fernades (PSB), conhecido como Ninão, que tem 2,25m, não conseguiu se eleger como vice-prefeito na cidade de Assunção, no Cariri da Paraíba.
Ninão disputou à prefeitura compondo a chapa encabeçada pelo candidato Nezinho França (PSDB). Juntos, obtiveram 1.029 votos (35,62%), todavia a chapa foi derrotada no último domingo (07). O prefeito eleito foi Rafael Farias (PSD), que conseguiu 1.860 votos (64,38%). Ninão, de 27 anos, é considerado o homem mais alto do Brasil e o segundo do Mundo. Sua estatura chamou a atenção da imprensa nacional, que lhe deu status de estrela em programas de auditório.
Santino Feliciano da Silva, (PT do B), 72 anos, foi eleito com 2.537 votos. Ele tinha apenas 30 segundos no guia eleitoral e pedia voto assim: “Vote no gigante”. Santino é servidor público aposentado do estado da Paraíba. “Dos males, o menor”, dizia o candidato, num trocadilho usado como slogan bem humorado de sua campanha.
Por Abdias Duque

MEC garante mais de 30 milhões para investimentos em educação no RN


A deputada federal Fátima Bezerra (PT) e a professora Ângela Paiva, reitora da UFRN, participaram nesta terça-feira (09) de audiência com o secretário Executivo do MEC, Henrique Paim, em Brasília. Ocasião em que foi anunciado mais de R$ 30 milhões para implantação de banda larga em escolas, investimentos na UFRN e UFERSA.
Henrique Paim assegurou que R$ 16 milhões serão destinados para implantação de internet banda larga em 631 escolas (estaduais e municipais) da Região Metropolitana. Trabalho será custeado pelo MEC em parceria com a UFRN e o governo do RN.
“A liberação da emenda de bancada no valor de R$ 13 milhões para investimentos na UFRN foi outra boa notícia que tivemos na reunião com o MEC”, acrescentou Fátima.
O secretário assegurou mais R$ 1,8 milhão para os cursos de bacharelado em Tecnologia da Informação e Técnico em TI.  Fátima Bezerra reivindicou a liberação da emenda de bancada para investimentos na UFERSA. “A noite da terça-feira foi bastante produtiva para a educação do RN”, finalizou a deputada.
Reunião contou também com a presença do ex-reitor da UFRN, professor Ivonildo, e da secretária de Educação do RN, professora Betânia Ramalho.