i

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Festa dos 164 anos

Amanhã, dia 16, Assú comemora seus 164 anos de emancipação política e administrativa.

A programação comemorativa começa às 8 horas, com o hasteamento dos pavilhões municipal, estadual e nacional em frente à prefeitura.

Logo após, às 8h30, haverá uma missa em Ação de Graças na capela do Educandário Nossa Senhora das Vitórias.

Em seguida serão inauguradas algumas obras, como a pavimentação das ruas do Alto do São Francisco e Dom Costa e terminal turístico de Mendubim.

Na parte da tarde, a partir das 16 horas, acontece um desfile cívico na Avenida Senador João Câmara.

À noite, por volta das 18 horas, haverá sessão solene para entrega de títulos de Cidadão Assuense.

E, às 22 horas, tem a abertura do AssuFolia, com Babado Novo (Bloco Bicho Moleque) e Grafith (Bloco Onda).
Fonte: BLOG DE SAMUEL JUNIOR

Ei se liga, hoje é dia do Professor!


E o Blog Ipanguaçu News homenageia esse grade profissional que com vocação e muito amor tem conseguido transformar a vide de muitas pessoas, formando grandes profissionais de diversas áreas. Mesmo sem receber a recompensa financeira merecida.

Parabéns a todos os MESTRES.

Você sabe como surgiu o Dia do Professor?

O Dia do Professor é comemorado no dia 15 de outubro. Mas poucos sabem como e quando surgiu este costume no Brasil.

No dia 15 de outubro de 1827 (dia consagrado à educadora Santa Tereza D’Ávila), D. Pedro I baixou um Decreto Imperial que criou o Ensino Elementar no Brasil. Pelo decreto, “todas as cidades, vilas e lugarejos tivessem suas escolas de primeiras letras”. Esse decreto falava de bastante coisa: descentralização do ensino, o salário dos professores, as matérias básicas que todos os alunos deveriam aprender e até como os professores deveriam ser contratados. A idéia, inovadora e revolucionária, teria sido ótima - caso tivesse sido cumprida.

Mas foi somente em 1947, 120 anos após o referido decreto, que ocorreu a primeira comemoração de um dia dedicado ao Professor.

Começou em São Paulo, em uma pequena escola no número 1520 da Rua Augusta, onde existia o Ginásio Caetano de Campos, conhecido como “Caetaninho”. O longo período letivo do segundo semestre ia de 01 de junho a 15 de dezembro, com apenas 10 dias de férias em todo este período. Quatro professores tiveram a idéia de organizar um dia de parada para se evitar a estafa – e também de congraçamento e análise de rumos para o restante do ano.


O professor Salomão Becker sugeriu que o encontro se desse no dia de 15 de outubro, data em que, na sua cidade natal, professores e alunos traziam doces de casa para uma pequena confraternização. Com os professores Alfredo Gomes, Antônio Pereira e Claudino Busko, a idéia estava lançada, para depois crescer e implantar-se por todo o Brasil.

A celebração, que se mostrou um sucesso, espalhou-se pela cidade e pelo país nos anos seguintes, até ser oficializada nacionalmente como feriado escolar pelo Decreto Federal 52.682, de 14 de outubro de 1963. O Decreto definia a essência e razão do feriado: "Para comemorar condignamente o Dia do Professor, os estabelecimentos de ensino farão promover solenidades, em que se enalteça a função do mestre na sociedade moderna, fazendo participar os alunos e as famílias".

Em Ipanguaçu todos lavando as mãos

Pesquisas mundiais apontam que 40% das pessoas não lavam as mãos depois de ir ao banheiro. Índices sobre o assunto são ratificados com novas pesquisas a cada ano, como a publicada no Journal of Environmental Health de setembro, que apontou que apenas 17% de estudantes de uma universidade canadense seguiam as recomendações de lavar as mãos.

Por isso, não é exagero lembrar os procedimentos corretos de higienização das mãos, tão importante em tempos da gripe tipo A, vírus H1N1 (a famosa gripe suína). Neste dia 15, comemora-se pelo segundo ano o Dia Mundial de Lavagem das Mãos, iniciativa do Unicef, organizações não-governamentais ligadas à saúde e de empresas privadas. É a segunda data destinada à conscientização do gesto. A Organização Mundial de Saúde comemora o Dia Mundial de Lavagem das Mãos em 5 de maio.

"Lavar as mãos com sabão é a maneira mais eficaz e barata de prevenir diarreias e infecções respiratórias agudas, causa da morte de milhares de crianças em países em desenvolvimento em todo o mundo. Apesar desse potencial, é raramente praticado e difícil de promover", diz o texto sobre a campanha, realizada desde o ano passado.

O simples gesto reduz em 50% o índice de mortes por diarreia e em 25% as por infecções respiratórias, e são mais eficientes do que prevenção por meio de vacinas ou intervenções médicas.

Neste dia, crianças de mais de 70 países em todos os continentes irão desenvolver atividades nas escolas, playgrounds e comunidades envolvendo a higiene das mãos. O desafio é transformar a lavagem das mãos com sabão em um hábito automático feito em casa, escolas e comunidades em todo o mundo.

"É necessário que se transforme em um comportamento", disse a médica Thais Guimarães, infectologista do Hospital das Clínicas em São Paulo e membro da Sociedade Brasileira de Infectologia.

Veja abaixo como deve ser feita a correta higienização das mãos e como proceder caso as condições não sejam ideais, principalmente em locais públicos.




Quando lavar:
Antes de comer e antes e depois de ir ao banheiro são fundamentais. "E sempre que levar a mão ao nariz ou à boca, pois pode contaminar objetos e outras pessoas com germes", afirmou a infectologista. Não é necessário lavar as mãos várias vezes por dia, fora dessas situações. "Não é preciso ser neurótico. Basta lavar sempre que perceber estão sujas e precisam ser higienizadas. É diferente de um profissional de saúde que tem necessidade de lavar várias vezes por dia". As situações mais indicadas são após pegar em locais de grande contato como telefones, volantes, maçanetas, corrimão.

Condições ideais: A correta higiene das mãos é feita com água corrente, sabonete líquido e papel toalha para secar a pele. Mas isso não significa que basta usar os itens e pronto, você estará com a pele limpa. A remoção das bactérias é feita por ação mecânica, ou seja, é necessário esfregar as mãos. "Além disso, a espuma presente no sabonete ajuda a remover a gordura da pele, eliminando maior quantidade de germes", disse Thais.

Sabonete: Fora de casa, é necessário usar sempre sabonete líquido. Se a única opção for o em barra, não use. "É item contaminado, pois quem lavou as mãos antes deixou bactérias no produto", afirmou Thais Guimarães. Nesse caso, esfregue as mãos, seguindo os movimentos que faria com o sabão, mas lave apenas com água.

Secagem: O material disponível para secagem das mãos deve ser de uso exclusivo, ou seja, toalhas de papel descartáveis. Se as opções forem as de pano ou toalhas convencionais, melhor não secar. "E não enxugue na roupa, pois estará contaminando novamente as mãos", disse a infectologista. Segundo a especialista, o ar quente, disponível em aparelhos também é eficaz e tem o mesmo efeito da toalha de papel. E um outro cuidado ainda é importante: fechar a torneira protegendo a mão com o papel. "Enxágue as mãos, pegue o papel e seque as mãos. Com esse mesmo papel feche a torneira." Isso é importante pois são partes contaminadas por bactérias oriundas das mãos de pessoas que acabaram de ir ao banheiro. Thais ainda completa dizendo que o uso do papel para abrir a porta do banheiro não é tão necessário.

Sem água: Na ausência de pia ou a presença de uma pia que não oferece condições de higiene, os gel de limpeza de mãos são tão eficientes quanto uma lavagem correta das mãos, pois a maioria contém álcool, que remove boa parte das bactérias. No caso de outros produtos, como lenços umedecidos, é preciso prestar atenção à formulação. As que contiverem álcool são eficazes, mas os demais farão limpeza parcial das mãos, resultado mais da ação mecânica.

Produtos de ação bactericida: Não é recomendado o uso de sabonetes antibacterianos, a não ser sob indicação médica. "Têm maior poder de destruição de bactérias, eliminando até as que fazem a defesa da nossa pele, o que pode causar ressecamento e outras dermatites, como alergias", afirmou Thais Guimarães. Não é necessário nem em crianças que brincaram na rua. "Não há diferença entre os sabonetes, não há um mais eficaz, pois a eficiência está na ação mecânica."




Fonte: Terra Brasil




Em Ipanguaçu
no dia Mundial de Lavagem das mãos, a secretaria de saúde organizou junto com alguns funcionários, o “D”, levando panfletos e álcool gel para as lavagens das mãos e incentivando as pessoas não só praticar a lavagem hoje, mais sempre, passando por todas as instituições da cidade.





Texto/fotos:Ipanguaçu News, Keyson Cunha

IFRN ABRE VAGAS PARA PROFESSOR EFETIVO

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) lançou edital de concurso público para professor do quadro permanente em nove campi. Ao todo, são 26 vagas de Professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico para as disciplinas de Matemática, Química, Física, Geografia Física, Administração Pública e Higiene e Saúde do Trabalho. Estas vagas não foram preenchidas no último concurso (Edital 04/2009), cujo resultado foi homologado pelo Edital 10/2009. As inscrições estarão abertas a partir do dia 27 de outubro, até o dia 6 de novembro, exclusivamente via internet, no site www.ifrn.edu.br. De acordo com a Diretoria de Gestão de Pessoas (DIGPE), os novos professores vão ingressar na classe D1, nível 1, com regime de trabalho de dedicação exclusiva (DE). A remuneração inicial é de R$ 2.757,64, que corresponde ao vencimento básico mais a Gratificação Específica de Atividade Docente do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico, a GEDBT, podendo ser acrescida do valor da retribuição por titulação (Especialização R$ 319,64 ou Mestrado R$ 1.336.61 ou Doutorado R$ 3.297,37) e benefícios adicionais previstos na legislação.

CHUVAS DEVEM DIMINUIR EM 2010 NO RIO GRANDE DO NORTE

O ano de 2009 está terminando e já é considerado um dos mais chuvosos da história do Rio Grande do Norte. No entanto os meteorologistas esperam uma diminuição acentuada dos níveis de precipitações chuvosas para 2010 aqui no estado. Segundo o presidente da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN) Henrique Santana o forte calor sentido nos últimos dias deverá se prolongar por toda a primavera e será marcante no próximo ano com a incidência do fenômeno El niño///

(REPORTAGEM - HENRIQUE SANTANA)
...
RN GANHA TRÊS NÚCLEOS DE APOIO À SAÚDE DA FAMÍLIA; O Rio Grande do Norte contará com mais três Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasfs). Os novos núcleos foram credenciados ontem, quarta-feira (14), pelo Ministério da Saúde (MS), que repassará R$ 60 mil para o Estado criar as unidades nos municípios de Extremoz, Jucurutu e Macau.Os Nasfs atenderão a população em saúde básica, oferecendo atendimento em especialidades como assistência social, nutrição, psicologia, pediatria, ginecologia, fisioterapia e fonoaudiologia. Há ainda serviços de educação física, fitoterapia e acupuntura. Os núcleos têm, no mínimo, cinco profissionais, que trabalham em parceria com as equipes de saúde da família em cada região. Em todo o Brasil, o Ministério da Saúde investirá R$ 2,9 milhões para a implantação desses serviços em 100 municípios. Com o novo credenciamento, o número de núcleos no país passará para 1.126. De acordo com o Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde, as cidades devem implementar os Nasfs até dezembro deste ano. Até o próximo ano, serão mais 113 núcleos autorizados. Criados em janeiro de 2008, os Nasfs compartilham as práticas em saúde nos territórios sob responsabilidade das equipes de saúde da família. Eles têm a responsabilidade de atuar e reforçar nove diretrizes na atenção à saúde: a interdisciplinaridade, a intersetorialidade, a educação popular, o território, a integralidade, o controle social, a educação permanente em saúde, a promoção da saúde e a humanização.
Fonte: Rádio Princesa do Vale