i

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

GOVERNO MUNICIPAL PREVÊ PISO SALARIAL AO MAGISTÉRIO CONSOLIDADO NESTE MÊS DE JANEIRO.


A secretaria municipal de Ipanguaçu prevê a fixação do piso salarial profissional nacional para os profissionais do magistério publica da educação básica neste mês de janeiro. O compromisso do estabelecimento do piso foi firmado pela secretária da pasta, a professora pedagoga Jeanne Dantas Bezerra. Com o cumprimento de 100% Plano salarial do magistério o professor iniciante de ensino médio receberá, R$ 768,00. Já o professor Graduado, em início de carreira, passará a receber R$ 950,00 mensais, conforme estar regulamentado pela lei nacional n° 11738/08. Além disso, Antecipando-se ao início do ano letivo, Jeanne Dantas pediu aos pais ou responsáveis que efetivem as matrículas nas escolas do município já que o ano letivo terá início dia 22 de fevereiro.

Câmara de Ipanguaçu reduzira custo motivada pela redução de receita

[OgAAAFs7caOYmRTQdOXt5BXogSJRw1NypeU0JN-ObcomeioRL_RLhHEI2bVOSAqveK6tzj6b4zYpToyJsoNt91eqGUgAm1T1UNekRfLqAPEg2TjHeHtNutBSoJsR.jpg]IPANGUAÇU - Em consequência da forte retração financeira que enfrentará por conta da aprovação do projeto de lei pelo Congresso Nacional, na capital federal, que diminuiu em 1% a transferência financeira para os poderes Legislativos municipais de todo o país, a Câmara Municipal de Ipanguaçu vai adotar uma política de maior austeridade financeira por todo o decorrer deste ano de 2010. A advertência partiu do seu presidente, vereador Tunefis da Silva Morais (PRB)
Reafirmando sua total insatisfação com a medida, a qual julgou totalmente "inconsequente", o presidente da Câmara Municipal de Ipanguaçu frisou que não há outra alternativa senão instituir uma maior contenção de custos, sob pena de faltar dinheiro em caixa para honrar os compromissos do Poder Legislativo. "Para se ter uma noção do prejuízo que este projeto trouxe à nossa diminuição de receita, será em média de R$ 9,5 mil mensalmente", descreveu o vereador.
Reeleito para continuar na presidência da câmara durante o biênio 2011/2012, Tunefis Morais, que exerce seu primeiro mandato de vereador, explicou que a nova realidade econômica vai impedir, por exemplo, que se verifique majoração nos subsídios pagos aos vereadores ipanguaçuenses. Ele registrou que havia uma expectativa de que os salários dos parlamentares-mirins, hoje na faixa de R$ 2,8 mil, pudessem ser aumentados. "Porém, diante desta situação que iremos enfrentar na nossa arrecadação mensal esta possibilidade esta praticamente descartada", antecipou.
DIFICULDADES
Tunefis Morais se mostrou preocupado que o panorama financeiro adverso possa comprometer alguns projetos traçados pelo Poder Legislativo para este exercício. O presidente da câmara confessou estar temeroso de que a recessão que a Casa vivenciará possa atrapalhar o funcionamento do centro de inclusão digital que está programado para começar suas atividades a partir do mês de março. "O que aconteceu é que quando nós projetamos a operacionalização do telecentro, a realidade financeira da câmara era uma e, agora, com este novo cenário, o quadro mudou completamente e é preciso fazer uma reavaliação do problema", concluiu Tunefis Morais.



Fonte: Com informação do O Mossoroense


Dá licença, né!


Árvore símbolo está sendo devastada

Um fator realmente preocupa. O Ibama, juntamente com o Idema, respondem pelo licenciamento ambiental visando a conservação do meio ambiente, mas é com outorga desses órgãos que empresas multinacionais já derrubaram centenas de hectares de carnaubeiras no Vale do Açu.

Enquanto a fiscalização é rigorosíssima com alguém que comete caça predatória, age com parcimônia em relação à derrubada indiscriminada de carnaúbas esquecendo que além da licença, tem a obrigação de fiscalizar as atividades. As queimadas também contribuem para o desflorestamento.
 
Com a devastação promovida à luz do dia, resta muito menos da metade da floresta que existia anteriormente. Essa desertificação trará conseqüências nefastas para toda a região. Sem a carnaúba, o solo não tem sustentação e aumentará a poeira e a temperatura, além da escassez de chuva. 

Fonte: Escrito por Toni Martins

BLOGUEIRO PRÉ-CANDIDATO A DEPUTADO ESTADUAL VAI AO REGIStrando NESTE SÁBADO




Neste sábado á partir do meio-dia no programa REGIStrando, o convidado especial será o blogueiro e pré candidato a deputado estadual pelo PHS, Juscelino França. Segundo informações obtidas junto ao convidado, participaram tambem do programa o pré-candidato ao Senado da Republica, Dr. Joanilson de Paula Rêgo, Ney Dias (irmão do saudoso dep. Nelio Dias), pré-candidato a dep. Federal, Fabio Dantas, representando o diretorio Estadual do PHS e pré-candidato a dep. estadual pelo partido e o nosso amigo e companheiro Aluizio Lacerda.
Voce poderá ouvir atraves do site: www.radioprincesadovale.com.br
REGIStrando

Sem oposição, Ivan vota em Wilma


Assú - Quem via o prefeito Ivan Júnior (PP) e a secretária de Articulação com os Municípios, Fátima Morais (PSB), na eleição de 2008, jamais imaginaria que dois, anos depois, estariam tão afinados e do mesmo lado. Pelo menos foi o que confirmou o prefeito de Assú, quando disse que quer votar em Wilma de Faria para o Senado. A declaração foi dada durante evento de lançamento do vaporduto em Alto do Rodrigues, na presença do prefeito de Carnaubais, Luizinho Cavalcante.
Segundo o prefeito, o seu mandato está muito afinado com a governadora. Fora Wilma, Ivan disse estar esperando que o resto dos políticos se decida para ele poder fazer o mesmo. "Eu sigo a orientação de Robinson Faria, no palanque que ele estiver, eu estarei também", determinou, enfatizando que mantém com sua liderança o presidente da Assembleia Legislativa e presidente do PMN.
A governadora Wilma de Faria (PSB), que estava no evento de quarta-feira, 20, não mediu palavras para declarar que já tem o apoio de Ivan e anunciou. "Fátima não é mais candidata em Assú e não sou eu que estou dizendo. Foi ela que me confirmou", esclareceu a chefe do Executivo estadual.
Ivan disse que fez algumas reivindicações para melhorar a infra-estrutura da cidade e ela, atendendo esse pleito, ficará do seu lado. Ele também falou em paz e enfatizou que não pretende ter uma vida política com inimigos. "Para que ter inimigos se podemos trabalhar unidos?" questionou.
Com esse feito, Ivan Júnior se torna a maior liderança política da história recente do município, sendo o único prefeito de cidade pólo do Oeste a administrar sem oposição. Exceto a reclamação de um ou dois vereadores que trabalham no contra com uma estratégia nada atrativa: o denuncismo.
No começo do governo, Ivan enfrentou as críticas do ex-prefeito e aliado Ronaldo Soares e a população esperou que dali surgisse uma barreira oposicionista, visto a ausência de Fátima na cidade, devido sua ocupação junto à governadora. Mas não durou muito para Ronaldo aquietar-se, mantendo a promessa de desistir da carreira política para atuar como agropecuarista.
Porém, o recuo de Ronaldo tem a ver também com a pré-candidatura do seu filho, George Soares, para a Assembleia Legislativa. O jovem político espera ter o apoio do prefeito de Assú, da mesma forma como ele (Ivan) teve o apoio de Ronaldo para levá-lo ao poder na principal cidade do Vale de Açu.
O prefeito foi enfático em afirmar que votará e apoiará George soares, que, segundo ele, já viabilizou a candidatura para deputado estadual. "Eu sou do PVA - Partido do Vale do Açu", esclareceu Ivan Júnior.

G-12 projeta Ivan para um futuro na Câmara Federal
Meio despretensioso e com muita disposição. É como o prefeito de Assú, Ivan Júnior, está se consolidando como nova liderança na esfera estadual. Há quem profetize um possível futuro na Câmara Federal, mas o próprio Ivan é muito cauteloso para falar sobre o assunto.
"Tudo que vai vir pela frente será reflexo da minha administração. Se eu não me dedicar neste mandato, eu não terei futuro político algum. Se eu tiver uma oportunidade futura, se tiver um sentimento estarei pronto, mas por enquanto essa hipótese ainda é muito remota", esclareceu.
O líder progressista ganhou ainda mais visibilidade depois que ajudou a fundar, e assumiu o comando do Consórcio Intergestores Vale Unido, conhecido também como Grupo dos 12 (G-12) por agregar uma dúzia de prefeitos do Vale do Açu e outras regiões.
Segundo ele, esse grupo é muito maduro e democrático e vai discutir com os candidatos ao governo assim que eles se definirem. "Vamos apresentar projeto para ambos os candidatos e dependendo do compromisso de cada um deles, assumiremos um compromisso", adiantou o prefeito, enfatizando que cada um dos prefeitos é autônomo para tomar suas decisões pessoais.


Fonte: Jornal de Fato
Jotta Paiva
De Campo Grande



Lula conquista prêmio do Fórum Econômico Mundial



O presidente Luiz Inácio Lula da Silva receberá o prêmio de Estadista Global do Fórum Econômico Mundial, em Davos (Suíça), no dia 29. Esta é a primeira edição da homenagem, criada para marcar o aniversário de 40 anos do Fórum
A entrega do prêmio será feita pelo ex-secretário-geral da ONU, Kofi Annan, e está prevista para às 11h30 (horário local; 8h30 de Brasília) do dia 29, quando o presidente brasileiro fará um discurso. Em seguida, terá início um painel de discussão sobre o Brasil. O objetivo é debater os atuais condutores do crescimento do País e os desafios à frente.
Conforme a organização do evento, o prêmio tem o objetivo de destacar um líder político que tenha usado o mandato para melhorar a situação do mundo. "O presidente do Brasil tem demonstrado verdadeiro compromisso com todas as áreas da sociedade", disse o fundador e presidente do Fórum Econômico Mundial, Klaus Schwab, em nota à Agência Estado.