i

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Ipanguaçu se junta a caravana do SUS 2009.



A Caravana em Defesa do SUS já passou por vários estados brasileiros. mobilização nacional com o tema “Todos em Defesa do SUS”,

A Caravana é resultado de uma avaliação do SUS após 21 anos de sua criação. Portanto fez-se necessário elaborar uma ação estratégica que proporcionasse condições para superar as grandes dificuldades estruturantes que ameaçam o Sistema Único de Saúde, bem como o consequente fortalecimento do SUS e sua viabilidade como patrimônio Social Cultural Imaterial da Humanidade.

A mobilização Pretende com essas discussões elaborar medidas imediatas, considerando a crise e as dificuldades no aumento de investimentos públicos e de serviços, respeitando realidades específicas e necessidades de cada estado. A expectativa é que ela passe por todo País mobilizando a sociedade num processo coletivo de conhecimento, resgatando o conceito do que é o SUS.

Os representantes de Ipanguaçu, Mibsan Patrzez Oliveira Albano (Representante do Conselho Municipal de Saúde - Secretário Executivo do CMS) e Ozilene Maria da Silva (Representante da Secretaria Muncipal de Saúde - Coordenadora em Educação em Saúde), juntaram-se as caravanas dos demais estados Brasileiros. Para eles, o  eventos dessa natureza são de fundamental importância para a união de esforços e manter o debate em defesa do SUS vivo e mostrá-lo como conquista brasileira, principalmente em um momento de crise econômica mundial, que reflete diretamente no financiamento público da Saúde.

De acordo com o conselheiro, o direcionamento para um bom funcionamento do Sistema Único de Saúde é uma responsabilidade de todos. Aqui trocamos informações, anseios em busca de experiências novas que no final é o que todos almejam um bom atendimento e de qualidade nos serviços ofertados aos usuários que buscam o Sistema, sem falar que somos contra a privatização do Sistema Unico de Saúde (SUS).

A Caravana já passou por varios  Estados do Brasil, e os estados estaram juntos amanhã de 07 a 10 de dezembro em Brasilia, com o objetivo lutar contra a privatização do SUS; Solicitar mais recursos para a saúde dos municípios; e solicitar a aprovação do SUS como patrimonio imaterial da humanidade.

Após duas horas e meia minutos de atraso, Inep divulga gabarito do Enem


Após duas horas e meia de atraso, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas (inep) divulgou na manhã desta segunda-feira o novo gabarito para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os resultados divulgados no domingo foram saíram trocados, conforme o Ministério da Educação (MEC).

>>>Confira o gabarito do primeiro dia

>>>Confira o gabarito do segundo dia

Pelo menos seis questões tiveram problemas na resposta, na primeira versão do gabarito. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) colocou no seu site a seguinte nota, ainda no domingo:

"O Inep verificou inconsistência nos gabaritos dos diferentes modelos de prova aplicada neste final de semana. Em função disso, todo o material será revisto. Os gabaritos oficiais serão publicados amanhã, segunda-feira, a partir das 10h".

As provas do Enem foram realizadas no último final de semana em todo o Brasil. O gabarito correto saiu por volta das 12h20min

PREFEITURA LANÇA PROGRAMAÇÃO OFICIAL DA FESTA DE EMANCIPAÇÃO DE IPANGUAÇU


Toda a programação oficial da festa de emancipação política social e administrativa do município de Ipanguaçu, pela passagem dos seus 61 anos de historia, já foi definida pela prefeitura municipal na administração do Prefeito Leonardo Oliveira. Os festejos serão iniciados a partir das 16 horas, do dia 20 de dezembro, com a realização de um desfile da pelas principais ruas da cidade do grupo da Infância Missionária que está comemorando também o seu 13º ano de serviços prestados ao município. Às 18 horas do dia 20 (DOMINGO), será realizada a partilha do bolo histórico da Infância com a população. No dia 21de dezembro (segunda-feira), acontecerá uma programação cultural denominada de Fest Leitura, apartir as 19; 00. Ainda na Segunda- Feira acontecerá o evento Talento Jovem da Música, seguindo de um show com Almir dos Teclados e Banda Estação cinco nas dependências do clube municipal da de Ipanguaçu. Na Terça-Feira, dia 22, véspera da data magna da cidade, está agendada a grande final da copa Prefeito Leonardo Oliveira, que será realizada no recém reformado estádio municipal Joacy Fonseca, apartir das 14; 00. Nesse mesmo dia, apartir das 22 horas o município festeja a sua emancipação com show da Banda Inala, ao som do trio Oxigênio. O Secretário municipal de Cultura e Turismo do município de Ipanguaçu, professor Fernando Neto, detalhou a programação idealizada pela prefeitura enfatizando também as ações que foram realizadas por sua secretaria nesse primeiro ano da gestão Leonardo Oliveira (PT)

(REPORTAGEM – FERNANDO NETO 

Com relação à gestão administrativa e suas ações junto à população no município de Ipanguaçu, o prefeito Leonardo Oliveira (PT) continua dando prioridade aos trabalhos de prevenção as enchentes. Numa entrevista em que abordou também outros assuntos de interesse da comunidade o prefeito de Ipanguaçu, falou inicialmente sobre um recente encontro que teve com o Vice Governador e Secretário Estadual de Recursos Hídricos, Ibere Ferreira de Souza, tratando especificamente da questão do desassoreamento do Rio Pataxó.

(REPORTAGEM – FERNANDO NETO 


Fonte: Rádio Prinncesa do Vale

As eleições do Grêmio Estudantil do IFRN acontecem hoje


As duas chapas candidatas à próxima gestão do Grêmio Estudantil Prof. Marcel Lúcio Matias Ribeiro promoveram  dia 04 um  debates para discutir suas propostas e responder questionamentos dos alunos.


Os debates aconteceu no Centro de Vivência em três momentos: 8h20, 14h20 e às 19h.


O debate é fundamental por permitir a todos os alunos a experiência de participar ativamente de questões relacionadas à atuação política estudantil, por isso é importante que os alunos procurem se envolver e participar das discussões.


A chapa 1 é representada pelo aluno Breno Luís Elias de Souza e a chapa 2 pelo aluno Rafael Victor Costa Fonseca.

As eleições acontecem hoje segunda-feira, dia 07/12.



Ceia natalina deve ficar mais cara


Tudo leva a crer que a ceia natalina do mossoroense não ficará tão em conta neste final de ano. As expectativas é que os preços dos produtos aumentem cerca de 10% a 20% no mês de dezembro. É o que espera o professor de Economia, Fábio Lúcio. "A projeção é de que o dólar feche o ano valendo cerca de R$ 2. Isso irá refletir no preço final, com certeza", afirma.
No entanto, segundo o especialista, os produtos importados como castanha, nozes, avelãs, amêndoas, condimentos, vinhos estrangeiros e outros tendem a ficar mais baratos. No caso dos produtos tradicionais e de importação contínua, como bacalhau e azeite, que passaram a ser vendidas no dia-a-dia, a variação será menor. Isso porque, como no ano passado, o dólar subiu muito, os importadores procuraram segurar os preços, refletindo em um produto não tão alto.
Para a dona-de-casa Mariluce Marques, que foi às compras neste final de semana, a pequena queda nos preços exigirá que a população guarde aquele dinheirinho extra. "Isso é o que faço para garantir a ceia de Natal bastante farta", brinca.
O professor Fabio Lúcio diz que a situação neste ano é bem mais tranquila, porque há previsão de maior oferta de produtos, já que os grandes mercados consumidores - Estados Unidos e Europa, por exemplo - estão enfraquecidos e as empresas têm se voltado para o Brasil. No entanto, ele alerta: "O mundo ver o Brasil, como o país que melhor se saiu da crise, mas logo o mercado vai se voltar para grandes centros que conseguiram reagir à crise", afirma.
O professor também acredita que o Natal registre pouca variação de preços em produtos populares, como o celular. Para ele, os preços não devem cair, mas a venda será continua. "Além disso, são nos produtos mais baratos que os empresários querem ter mais lucros", explica.

Brinquedos devem sofrer pequena alteração
Com a chegada do final de ano, a procura por presentes para crianças também aumenta. No caso dos brinquedos, o professor de Economia lembrou que as compras já haviam sido feitas antes do início da crise e os aumentos registrados devem ter pouca alteração.
"O que acontece é que esses produtos devem ficar um pouco mais caro até o Natal, mas depois disso voltam aos preços normais", acrescenta. Com isso, o dólar barato não tem relação direta com esse tipo de produtos do Natal.
De acordo com o economista, de maneira geral, as condições do Natal deste ano não favorecem preços mais baixos do que os do ano passado. Isso porque naquele período havia forte influência da crise, entretanto os brinquedos importados tendem a ter os preços menores. Segundo os especialistas, os importadores compraram menos porque não tinham previsão de como o Brasil ficaria com relação à crise. Mas no segundo semestre alguns importadores estão fazendo novas compras, prevendo aumento do consumo por conta da queda do dólar. Os preços devem até ser de 1,2% a 3% mais altos, com a tendência de mais procura do que oferta.
Quem for comprar os enfeites típicos e os populares piscas-piscas de Natal também não encontrará preços muito inferiores aos do ano passado.


Fonte; Jornal de Fato

Wilma promete repor perdas do ICMS às prefeituras

A disputa pela fatia do ICMS distribuído às cidades potiguares foi o principal tema que tomou conta do noticiário político na semana que passou. Deputados trocaram acusações, membros da comissão de Constituição e Justiça foram taxados como inimigos de Natal pela prefeita Micarla de Sousa, e parlamentares que foram favoráveis à proposta receberam por parte de alguns o rótulo de demagogos. Contudo, a governadora Wilma de Faria, na última quinta-feira (3), garantiu que nenhuma cidade terá perdas e o estado fará a compensação financeira das maiores cidades, que serão as prejudicadas. Esse será o ponto decisivo para o consenso entre os prefeitos.
Engavetado na comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa, o projeto da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn), e que teve o deputado Wober Júnior (PPS) como autor de direito na AL, pretende alterar a distribuição da parcela do ICMS que cabe aos municípios. Atualmente, 75% de todo o imposto que é arrecadado no estado fica nos cofres do governo e 25% é distribuído entre as cidades. Nesta parcela distribuída aos municípios, 80% fica com as cidades que mais recolhem o ICMS, e os 20% restantes são distribuídos para os pequenos e médios municípios. Caso aprovado, o percentual repassado às pequenas cidades será de 25%, e não mais de 20%.
Os 5% que serão tirados dos maiores municípios correspondem a aproximadamente R$ 30 milhões por ano, sendo que Natal sozinha perderia R$ 18 milhões. Visto isso, os grandes recolhedores de ICMS no estado tentavam brecar a aprovação do projeto, argumentando que, após os tempos de crise e redução dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), as cidades não poderiam ter novas perdas. O deputado José Dias (PMDB), inclusive, chegou a apresentar uma emenda para que o estado fizesse a compensação financeira, mas os parlamentares não chegaram a apreciar a proposta, considerada por muitos inconstitucional. Entretanto, o governo topou a sugestão.
Wilma de Faria afirmou que é compromisso dela e do vice-governador Iberê Ferreira garantir que os repasses do ICMS de 2010 sejam pelo menos iguais aos de 2009, mesmo com a aprovação dos projetos. A afirmação animou o presidente da Femurn, Benes Leocádio, que comparou a atitude do governo do estado à do governo federal, quando garantiu a compensação aos municípios com a diminuição dos repasses do FPM. Leocádio, inclusive, garantiu que as discussões serão intensificadas nesta semana para que a proposta possa ser analisada antes do dia 15 de dezembro, quando a AL entrará em recesso.
O projeto já recebeu o parecer favorável da comissão de Constitução e Justiça e, agora, ainda vai tramitar pela comissão de Administração, Serviços Públicos e Trabalho, e de Fiscalização e Finanças. A decisão sobre a forma como a alteração proposta pelo governo do estado será implementada ao projeto ainda não está definida, já que há a emenda de José Dias e o governo não se manifestou se enviará mensagem para fazer a alteração ou se acatará a proposta do oposicionista.
Independentemente da forma como será efetuada a mudança, o fato é que os deputados conseguirão ficar bem tanto com os pequenos quanto com os grandes municípios. A governadora, candidata ao Senado em 2010, também.


Fonte: Com informação Nominuto

Gabaritos do Enem será divulgado hoje

Os gabaritos oficiais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) serão divulgados nesta segunda-feira (7), a partir das 10h (horário de Brasília).
Em nota divulgada ontem (6) à noite, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou que foram verificadas inconsistências nos gabaritos dos diferentes modelos de prova aplicados no fim de semana. 

Em função disso, todo o material está sendo revisto. O Ministério da Educação havia informado que os gabaritos seriam divulgados neste domingo depois das 20h.


Fonte: Com informação da Agência Brasil