i

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Jornal Nacional: Hospitais públicos de Natal têm corredores superlotados e muita sujeira

A promotora da saúde visitou o maior pronto-socorro público do RN nesta segunda-feira (30) e constatou o acúmulo de lixo por causa da dívida com a empresa responsável pela coleta. Pelos corredores, os equipamentos estão encostados, com mofo e moscas.
CLIQUE AQUI para conferir o vídeo com a matéria

Bispos orientam eleitores a não votar em ficha suja

Arcebispo de Natal, dom Jaime Vieira Rocha

Não votar em candidato sem ficha limpa e tomar cuidado com candidato que diz defender a vida, a família e a moral cristã, mas pratica o nepotismo e a corrupção. Os sacerdotes devem ficar fora de qualquer envolvimento político-partidário, limitando-se a orientar os fiéis sobre os aspectos ligados à cidadania e ao direito do voto como expressão máxima da democracia brasileira. Esses são os posicionamentos da Igreja Católica com relação às eleições municipais deste ano, anunciado ontem durante entrevista coletiva, pelo arcebispo de Natal, dom Jaime Vieira Rocha, após participar da 50ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil, realizada em Aparecida (SP), no período de 18 a 26 de abril.
Dom Jaime destacou o significado das 50 assembleias realizadas pelo episcopado brasileiro, ao longo desse meio século (anualmente, todos os bispos do Brasil se reúnem em Assembleia, para tratarem de assuntos de interesse da Igreja Católica e da sociedade). O encontro reuniu 335 bispos do Brasil que discutiram além das eleições municipais, a reforma do Código Penal, aprovação do aborto de anecéfalos, o desafio de conter o avanço do crack e as comunidades quilombolas.
No encerramento da 50ª Assembleia Geral, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) apresentou uma mensagem de orientação a todos os fiéis para orientá-los no exercício da cidadania nas próximas eleições municipais. Segundo a nota apresentada por dom Jaime, a CNBB aconselha aos eleitores atentarem para o currículo dos candidatos, “que têm de ter ficha limpa” e recomendou a leitura de cartilha preparada pelo Conselho Nacional do Laicato Brasil, Comissão Brasileira de Justiça e Paz, Centro Nacional de Fé e Política Dom Helder Câmara e Pastorais Sociais sobre as eleições.
“Ajudam-nos nessa tarefa as leis de iniciativa popular 9.840/1999, contra a corrupção eleitoral e compra de votos e 135/2010, conhecida como a Lei da Ficha Limpa, cuja constitucionalidade foi confirmada pelo Supremo Tribunal Federal. Aos eleitorescabe ficarem atentos para a ficha dos candidatos e espera-se da sociedade uma mobilização em torno da necessidade da ficha limpa ser aplicada também aos cargos comissionados”, diz a nota da CNBB.
Compromissos
Segundo dom Jaime, durante a assembleia, os bispos do Brasil reafirmaram o compromisso com os povos indígenas, quilombolas, pescadores artesanais e demais populações tradicionais, pelo fortalecimento de suas identidades e organizações próprias, na defesa dos seus territórios, na educação intercultural bilingue dos povos indígenas e na defesa de seus direitos.
O documento da CNBB defendeu a revisão do Código Penal, em conformidade com as conquistas asseguradas pela Constituição Federal de 1988, que requer amplo diálogo com a sociedade. “A legislação se torna mais consistente quando conta com efetiva participação de representantes dos diversos segmentos sociais em sua elaboração”, destacam os bispos em nota divulgada à imprensa. O objetivo do documento é expressar o compromisso da instituição no acompanhamento de importantes matérias de interesse social, neste momento em que uma Comissão de Juristas do Senado discute mudanças no Código Penal.
Sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de permitir o aborto de anencéfalos, a atitude da igreja, segundo dom Jaime, será de analisar o problema e ouvir autoridades no assunto. Mas a posição é de defender a vida em qualquer circunstância e ser contra a criação de uma cultura de bem-estar que dá direito às pessoas de escolher quem deve viver. “Nós não podemos assumir um discurso de fé que não se coadune com a defesa da vida e da dignidade humana. A Igreja se preocupa com a vida desde a sua concepção até o fim”.
Fonte: DN

Sorteio marca dia do trabalhador

O empresário Antônio José da Costa (Toinho da Caçamba) realizou ontem, sábado (01), no dia do trabalhador o sorteio de uma moto para os funcionários da sua empresa e moradores do conjunto Lula. O sorteio aconteceu as 17horas.

Vejam as fotos