i

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Prefeitura de Ipanguaçu dá início à 4ª Copa de Bairros e Comunidades de Futebol Amador neste final de semana


Dando prosseguimento ao resgate da histórica identificação da população ipanguaçuense com os esportes coletivos, especialmente o futebol, a prefeitura de Ipanguaçu dá início neste final de semana à 4ª edição da Copa dos Bairros e Comunidades de Futebol Amador. Contando com mais de 350 atletas do município, distribuídos em 14 equipes, os jogos serão disputados quatro jogos em todos os finais de semana ocorridos entre os dias 27 de outubro e 29 de dezembro no Estádio Municipal Joacy Fonseca. A entrada é gratuita.

“Além de incentivar a prática do futebol, o torneio promove o intercâmbio desportivo e social entre os participantes, oriundos de diversos segmentos da comunidade. É uma forma de integrar socialmente através da prática desportiva”, afirma o secretário de Esporte e Lazer de Ipanguaçu, Marcos Antônio Bezerra de Oliveira.

Abertura

Neste final de semana, oito equipes entram em campo para a rodada de abertura. No sábado (27), primeiro dia dos jogos, a primeira partida será entre Lagoa de Pedra x Cuó/Luzeiro, a partir das 14:30. Na sequência, BMR enfrenta o América do Baldum, por volta das 16 horas. No domingo (28), Capivara joga contra a Seleção do Arapuá, às 14:30 e às 16hs tem Grêmio e Cruzeiro do Itu.

A expectativa da prefeitura é que os recordes da edição passada, que mobilizou centenas de torcedores, sejam ultrapassados com folga. “Os resultados serão positivos, pois a competição já se estabeleceu como uma nova tradição, a população espera por ela. Além disso, estamos dando um maior incentivo às equipes de futebol de Ipanguaçu, ajudando e valorizando os atletas de nossa cidade. E a população entende isso e dá também o seu apoio”, diz Marcos. 

Incêndio em equipamento provocou blecaute no Norte e Nordeste do país


O incêndio em um equipamento entre as subestações de Colinas (TO) e Imperatriz (MA) foi a causa do desabastecimento de energia ocorrido na Região Nordeste e em parte do Norte do país, na madrugada de hoje (26). O problema ocorreu justamente na interligação entre os sistemas Norte-Nordeste e Sul-Sudeste.

A linha de transmissão é operada pela empresa Taesa. Segundo informação da assessoria de imprensa do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o problema ocorreu pouco depois da meia-noite e demorou pouco mais de uma hora para ser resolvido. Portanto, por volta da 1h30, a energia na linha principal já tinha sido restabelecida. No entanto, as distribuidoras de energia levaram mais tempo para restaurar a energia nas linhas secundárias.

Uma reunião de técnicos às 14h de hoje, na sede do ONS, no Rio, vai analisar mais profundamente o problema. Pela manhã, o assunto deve ser discutido em uma reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico, em Brasília.


Com informações da Agência Brasil./Tribuna do Norte 

Mesas receptoras de justificativas serão instaladas no Vale do Açu para eleitores em trânsito

No domingo (28), dia do segundo turno das eleições municipais, os eleitores que estiverem fora de seu domicílio eleitoral poderão justificar sua ausência nas mesas receptoras instaladas nos municípios do Vale do Açu.

Em Assú, a mesa receptora ficará no cartório eleitoral da 29ª Zona Eleitoral, no bairro IPE. Já em Carnaubais será na escola estadual Adalgiza Emília Costa.

A mesa receptora em Ipanguaçu será instalada no ginásio Manoel de Melo Montenegro. Em Itajá será na escola João Tertulino Lopes. Já em Porto do Mangue, os eleitores em trânsito devem se dirigir a escola estadual Francisca Serafim de Souza.

O chefe do cartório da 29ª Zona Eleitoral, Artur Nascimento da Costa, informa ainda que o horário para apresentação da justificativa será das 8h às 17h, e o eleitor deverá levar o título eleitoral e um documento com foto.

Por Samuel Júnior/Blog Rabiscos 

Candidatos que concorreram no 1º turno devem prestar contas até o dia 06


Termina no dia 06 de novembro o prazo de entrega das prestações de contas finais dos candidatos que encerraram sua participação nas Eleições 2012 no primeiro turno.
A Justiça Eleitoral aguarda o recebimento 465 mil contas de campanha, relativas ao primeiro turno das eleições. O candidato que não apresentar as contas eleitorais não poderá obter a certidão de quitação eleitoral e, em conseqüência, ficará impedido de obter o registro de candidatura para a próxima eleição por não estar quite com a Justiça Eleitoral.
Além das contas de candidatos e comitês financeiros, a Justiça Eleitoral espera, no mesmo prazo, a entrega das prestações de contas dos diretórios dos partidos (municipais, estaduais e nacional) referentes ao primeiro turno. Devido ao grande volume de contas a receber, a Justiça Eleitoral recomenda aos candidatos e partidos antecipar a entrega da prestação de contas antes do prazo final de 06 de novembro.

Apagão deixa Brasil no escuro


Um apagão atingiu vários Estados do país no final da noite de ontem (25). Toda a região Nordeste, parte da região Norte e áreas do Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais foram afetados. 

Dados preliminares do Operador Nacional do Sistema (ONS), indicam que a falta de energia começou pouco depois da meia-noite (horário de verão) e estendeu-se por cerca de duas horas. Em seguida, a energia elétrica retornou na maioria das áreas.

Em Mossoró, a energia caiu por volta das 23h15 e retornou aproximadamente às 3 horas da manhã.

As causas do desabastecimento de energia ainda estão sendo investigadas pelo ONS. Há uma reunião agendada para o dia 29 que, segundo a assessoria do Operador, é rotina. Não está afastada, no entanto, a possibilidade de uma convocação de urgência, ainda nesta sexta-feira, para examinar o caso.

O assunto tomou conta das redes sociais. Sobraram humor, revolta e preconceito contra os nordestinos.

* Com informações da Agência Brasil

Vacinação contra a gripe vai incluir doentes crônicos a partir de 2013

As mães até quatro semanas após o parto também terão a vacinação recomendada. 

A partir da campanha de vacinação de 2013 contra a gripe, o Ministério da Saúde passa a incluir no público-alvo pessoas que têm algumas doenças crônicas não transmissíveis e outras condições que possam favorecer o surgimento de casos graves. O ministério divulgou hoje (25) uma lista determinando em quais casos a vacina é recomendada. As mães até quatro semanas após o parto também terão a vacinação recomendada.

Em 2012, a recomendação durante a campanha foi para que as pessoas nessas condições se dirigissem aos 48 centros de Referência de Imunobiológicos Especiais (Cries) existentes no Brasil. Agora, esse grupo vai poder tomar a vacina em qualquer uma das 35 mil salas de vacina do Sistema Único de Saúde (SUS), bastando apresentar um atestado médico. Cerca de 6 milhões de pessoas devem se beneficiar com a descentralização.

O objetivo da campanha de vacinação contra a gripe é proteger os grupos mais vulneráveis, reduzindo os casos graves e óbitos. Seguindo recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil elegeu como grupos prioritários os idosos, as crianças menores de dois anos, as gestantes, os profissionais de saúde, os indígenas, as pessoas privadas de liberdade e, a partir de agora, as mães até quatro semanas após o parto e os portadores de doenças crônicas.

A existência de doenças crônicas ou de algumas condições prévias são fatores de risco quando associadas com a infecção pelo vírus da gripe, situação chamada de comorbidade.

A gripe é diferente do resfriado e de outros quadros respiratórios mais leves. A característica principal da gripe é o aparecimento de febre com temperatura maior que 38 graus Celsius (ºC), sintomas respiratórios (tosse, dor na garganta e outros) e sintomas gerais, como cefaleia, fadiga e dores no corpo.

A grande maioria dos casos de gripe é leve e cura-se espontaneamente. Entretanto, em algumas situações, particularmente nos grupos mais vulneráveis, ela pode evoluir para casos graves, necessitando atenção médica imediata. Uma boa maneira de aumentar a proteção contra a gripe é a adoção de medidas de higiene pessoal, como lavar as mãos várias vezes ao dia e proteger a tosse e o espirro com lenço descartável ou na dobra do cotovelo.

Por Aline Leal, Agência Brasil