i

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Pré-inscrições para campeonato de bloco em Ipanguaçu acontecem até amanhã

Encerrar amanhã (28) a pré-inscrições para o campeonato de blocos carnavalescos de futsal, em Ipanguaçu. Podem participar da competição associações, grupos esportivos, entre outros.

Segundo o secretário de Esporte e Lazer, Marcos Antônio, a pré-inscrição esta sendo realizada até amanhã para previsão de números de equipes que participarão do campeonato carnavalesco de futsal. Os jogos estão previstos para acontecer na segunda quinzena de fevereiro.

Para efetuar a pré-inscrição é necessário informar o nome do bloco, as inscrições devem ser realizadas na Secretária de Esporte e Lazer na sala 03 das 08h00min ás 12hs.

Ronaldo e George Soares rompem com o prefeito de Assu

- Publicado por Robson Pires,
O ex-prefeito de Assú, Ronaldo Soares (foto), deu agora entrevista na rádio Princesa do Vale e anunciou o seu rompimento político com o  Ivan Júnior.
De acordo com Ronaldo Soares,  que é o pai do deputado estadual George Soares, ambos no PR, “existe uma propaganda midiática terrível que cerceia o direito do Assú de se manifestar, as preocupações da cidade deixadas de focar nas questões da comunidade, apenas para refletir um palavreado constante, diário e acho que até já aborreceu o povo”, frisou.
“A partir de agora nós vamos fazer parte de um grupo, que já está articulado e vamos cobrar agora a administração de Assú”, disse Ronaldo anunciando rompimento com Ivan Júnior.
Ronaldo disse que vai anunciar os integrantes do seu grupo em um momento oportuno e adiantou que na reforma política que o prefeito fez recentemente, exonerou todos aqueles que lhe seguiam politicamente.
Ronaldo também fez comparações com sua administração.
“O Orçamento da Prefeitura de Assú nesses dois anos deve ter arrecadado R$ 80 milhões. Todo ano eu investia em média R$ 3 milhões e 300 mil em calçamento, quadras, praças, ajudava na construção de casas…
A gente dava feira, R$ 1, 5 milhão… Pagávamos o São João, que era em torno de R$ 1 milhão e eu tive fazendo as contas… São quase R$ 6 milhões deixado de ser aplicado na cidade e o nosso jovem e falante prefeito não dá uma explicação a Assú do dinheiro que a Prefeitura recebeu nesses dois anos que dá mais de R$ 80 milhões”
“Estou aqui com a portaria assinada pelo prefeito. Recebeu R$ 8 milhões e R$ 500 mil… O que foi resolvido aqui da enchente de 2008?
Inclusive essa portaria é para verificar inconsistência na aplicação do projeto, quer dizer desvio. Eu quero dá uma notícia oficiosa ao povo de Assú: o que se comenta é que tem um desvio de R$ 3 milhões na aplicação dos recursos de Assú”, informou.
“O prefeito fez uma comissão em agosto. Essa comissão era para ter gerado um relatório e se constatou desvio e não mandou para o Ministério Público Federal, que o dinheiro é federal e mandado para o Ministério Público Estadual que tem a contra partida do Município. Meu amigo, colocaram uma pedra em cima”
“Mas, o prefeito hoje estava lá em Jucurutu atrás do desastre de lá e quando recebeu os R$ 8,5 milhões, eu estive no rádio e disse que não queria me meter na administração dele, mas dei um conselho: Pegue esses R$ 8,5 milhões e reúna a comunidade que foi atingida para saber o que fazer com esse dinheiro.
Não tem nada feito e inclusive eu soube que tem R$ 3 milhões bloqueado no Banco. Chegou a hora do Assú cuidar da administração do prefeito. É um jovem próspero que anda em um carro de R$ 170 mil rodando em Assú e no RN pago com o dinheiro do povo simples e humilde de Assú”, denunciou.
“Eu tenho certeza que a governadora vai trabalhar muito pelo Assú… 12 mil votos de maioria… Ela vai trabalhar independente de prefeito de querer ou não querer, deputado querer ou não querer…Ela tem um dever até de gratidão com o povo”, disse Ronaldo anun
“Nós estamos precisando saber o que foi feito dos R$ 80 milhões que a Prefeitura arrecadou nesses dois anos. Eu não vejo! Eu olho quatro placas em Assú falando de obras com recursos próprios que eu somei não deu R$ 600 mil.
Onde é que está o dinheiro? O dinheiro da feira foi para onde? O dinheiro do São João que o Governo Federal passou a pagar? A Prefeitura pagava R$ 1 milhão com recursos próprios e agora foi para onde? Gastaram com que?”
“Só se fala nas obras que Ronaldo deixou… Ele estava cobrando o compromisso de campanha de João Maia… Cadê o compromisso de campanha do deputado Fábio Faria? Eu me lembro que na campanha iam asfaltar o Assú todinho.
Não vejo ninguém cobrar isso… Agora quando é para nos atingir politicamente, tudo em relação a João Maia é uma cobrança”.

Vigas de ferro e calços de madeira escoram ponte sob o rio Piranhas/Açu

A ponte Felipe Guerra que cobre o rio Piranhas/Açu na extensão da BR 304 , divisa dos municípios de Assu e Itajá, tem sido motivo de preocupação para a população da região do Vale do Açu. Tudo está ligado ao fato das vigas longarinas, que dão sustentação ao vão 15, entre os pilares "P 15" e "P 16", estarem, neste momento, escoradas por chapas de ferro e calços de madeira, sobre bases de concreto. No local, parte da cobertura das duas vigas cedeu, deixando à amostra a estrutura de ferro, o que é uma constatação séria em qualquer obra de engenharia civil.
O problema foi detectado durante as recentes obras emergenciais de reforço das fundações da ponte. Segundo o Dnit, a solução provisória foi o apicoamento (limpeza na área afetada) e o grauteamento (nova injeção de concreto), para em seguida realizar o escoramento.     
O órgão garante que toda essa área será recuperada durante a obra de ampliação da ponte, que deve alterar toda a sua estrutura. Mas, esclarece que, no caso de uma enchente em que o rio volte a subir acima da média, o escoramento pode não resistir à força da correnteza, porém  assegura que o reparo realizado na base de concreto garante a segurança do vão.
Até o momento não existe uma previsão de quando o projeto de ampliação da ponte será liberado. Na primeira etapa, o governo federal gastou livre de licitação R$ 13.778.908,64.

Fonte: Alderi Dantas (http://alderidantas.zip.net/)