i

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Rio Amazonas é reconhecido como uma das maravilhas naturais do mundo


O Rio Amazonas, no Peru, ganhará nesta segunda-feira (13) homenagem durante cerimônia em que será reconhecido como uma das Sete Maravilhas Naturais do Mundo pelo governo regional de Loreto.
O Rio Amazonas é o segundo maior em extensão do mundo, atrás apenas do Rio Nilo. Ele nasce na Cordilheira dos Andes, no Sul do Peru e deságua no Rio Tocantins, no Norte do Brasil. A Bacia do Rio Amazonas tem mais de 7 milhões de quilômetros quadrados de área.
Por meio de telas gigantes colocadas nas sete cidades localizadas na região, os moradores vão acompanhar a solenidade. O governador de Loreto, no Peru, Yvan Vasquez Valera, afirmou que o objetivo é que todos da região participem. “As atividades serão realizadas nas sete cidades da província. Cada capital, ao mesmo tempo, irá desenvolver vários eventos, mobilizar os estudantes e a população em geral”, disse.
O prêmio é compartilhado com Bolívia, Brasil, Equador, Suriname, Colômbia, Venezuela, Guiana e Guiana Francesa, países nos quais o Rio Amazonas está presente. A cada ano há a seleção das sete maravilhas naturais do mundo (New 7 Wonders of Nature) pela população, por meio de uma votação global.

PRF prende ex-médico Marcelo Caron na BR 101, em Canguaretama


Aline Caetano/TJGO
Caron vai aguardar transferência preso no CDP de Pirangi
Alex Costa/ Da Redação Natal
Foi capturado por volta das 23h30 da noite deste sábado (11) o ex-médico Denísio Marcelo Caron, falso cirurgião plástico condenado pela Justiça de Goiás por praticar ilegalmente o exercício da profissão e causar a morte de 2 pacientes. Ele também responde por outras 3 mortes e por ter deformado outras 29 mulheres no centro-oeste do Brasil.
Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal, do Núcleo de Operações Especiais (NOE) estava em fiscalização no km 174 da BR-101, na região de Canguaretama. Ao abordar o veículo Gol, placa MYB-6578/RN, os policiais descobriram, através do sistema de pesquisa, que se tratava de um foragido com mandado de prisão em aberto.
Marcelo Caron, como ficou conhecido na mídia nacional, foi condenado pela Justiça do estado de Goiás pelos crimes de lesão corporal e homicídio, em fevereiro deste ano, ao praticar ilegalmente intervenções médico-cirúrgicas em diversos pacientes.
Ao todo, foram 29 anos de prisão em regime fechado e 1 em regime aberto. Além de mortes, houve outras 3 pacientes que morreram e29 que ficaram com sequelas irreversíveis, conforme informação do G1.
Caron foi encaminhado para a Delegacia de Plantão Zona Sul, de onde deverá ser encaminhado para a custódia do CDP de Pirangi.