i

quinta-feira, 6 de maio de 2010

PREFEITURA DE IPANGUAÇU PREPARA PROJETO AMBICIOSO PARA ATENDER PESCADORES


Seguindo recomendação do Prefeito Leonardo Oliveira (PT), o titular da pasta da agricultura José Ferreira da Cunha convoca todos os pescadores (as) das comunidades de Picada e Porto para uma reunião, a ser realizada na Agrovila Porto a partir das 15:00hs.


O momento servirá para discutir a atual situação dos pescadores da comunidade e traçar metas para multiplicar a produção. A reunião será conduzida por duas representantes da VALER/Assú, Aparecida Dantas e Lidérica Lopes que por sinal, vêm desenvolvendo um trabalho de caráter social e comunitário, auxiliando e coordenando as Associações do vale do Assú para que elas existam não apenas no papel, mas que na prática possam fazer a diferença.

Ontem 05/05 Lidérica Lopes e Aparecida Dantas estiveram no Gabinete do Prefeito onde discutiram com Joildo Lobato as potencialidades do Porto que devem ser exploradas para gerar emprego e renda para os moradores.


"É necessário que façamos uma reunião para ouvir de perto os moradores, saber deles os anseios e sonhos. Pois, não podemos criar um projeto sem antes consultá-los. Temos que criar um projeto de atenda as necessidades dos pescadores", lembra Lidérica Lopes.

Para o Professor Joildo Lobato Bezerra, historicamente a comunidade do Porto foi destaque na produção de peixes, inclusive de Tilápias se consolidando como a principal fonte de renda dos Portoenses. “Temos uma Lagoa que é considerada um dos maiores reservatórios de água doce do Rio Grande do Norte”. Argumenta Joildo.

“Além disso, a área hoje se localiza no Assentamento Pedro Ezequiel o que permite a criação de projetos utilizando todas as forças do Governo Federal como MDA e INCRA e as fontes de riquezas naturais para garantir melhoria de vida para os Assentados", acrescenta.

Ficou firmado que após ouvir os moradores/pescadores (as), os profissionais da VALER elaborarão em até dez dias, um projeto de viabilidade econômica e que garanta renda familiar, através da atividade pesqueira da Lagoa Ponta Grande."Para isso, precisamos enviar o projeto para a Petrobras com o propósito de solicitar patrocínio", salienta Aparecida Dantas.

Amanhã 07/05, o Secretário de Agricultura e Meio Ambiente de Ipanguaçu, José Ferreira participará de uma reunião na cidade de Itajá para discutir as questões, problemas e avanços para a produção peixes na região.

Conforme Joildo Lobato, quatro pescadores profissionais da Zona Rural de Ipanguaçu estarão no evento representando sua classe e o município.

Prefeitura Municipal de Ipanguaçu.
"Governando Nossa Terra".
Assessoria de Comunicação.
 
PUBLICIDADE:

SECRETÁRIA DE SAÚDE PARTICIPA DE REUNIÃO PARA COMPACTAÇÃO



Segundo o secretário adjunto de saúde, Canindé, à secretaria de saúde, Sumaira Fonseca está participando hoje (06) de uma reunião com o dono da Clinica CLIO, Dr. Bernardo, o mesmo convidou a secretária para formalizar a compactação de exames de alta complexidade. A reunião acontece na clinica em Caraúbas.

Ainda com informações de Canindé estará acontecendo neste sábado (08), a campanha de imunizados contra a gripe A (H1N1) e a vacinação do Idoso, contra a gripe comum e na segunda (10), inicia a vacinação contra a pneumonia em crianças de 2 meses a 1 ano e 3 meses.   

PUBLICIDADE:



SUPERVISORES TÊM A PRIMEIRA FORMAÇÃO PARA A 2ª OLIMPÍADA DE LÍNGUA PORTUGUESA


Na última quinta-feira (29), aconteceu no CIC (Centro Integrado de Cidadania), uma manhã de formação com os supervisores das escolas municipais e estaduais.

A secretária de educação Jeane Dantas, esteve presente e acompanhou de perto as informações repassadas aos supervisores escolares. A coordenadora municipal pela 2ª Olimpíada de Língua Portuguesa, Aloma Daiany reuniu e explicou que a olimpíada, mais do que um concurso de textos, tem como objetivo contribuir para a melhoria da qualidade de ensino e para o aperfeiçoamento da escrita dos alunos das séries finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio. Conforme ela, o concurso estimula o desenvolvimento de competências de escrita a partir de uma premiação e fornecendo subsídios e material de apoio pedagógico (kit de criação de textos), para que os professores realizem oficinas de leitura e escrita com seus alunos, Aloma ainda salientou que a idéia é que todos os alunos envolvidos se beneficiem, sendo ou não selecionados para concorrer.



Todas as escolas que atenderam aos anos escolares envolvidos na olimpíada receberam, neste dia, a Coleção Olimpíada. 

PUBLICIDADE: