i

terça-feira, 22 de maio de 2012

Cachoeira deve depor nesta terça-feira, decide ministro do STF

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou ontem (21) o depoimento do empresário Carlos Augusto Ramos, conhecido como Carlinhos Cachoeira, na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Cachoeira para hoje (22). O depoimento havia sido suspenso por liminar do próprio ministro no dia 14 de maio.

Celso de Mello suspendeu o depoimento por entender que a defesa do empresário goiano estava prejudicada. Na época, a CPMI impediu os advogados de Cachoeira de terem acesso às provas e aos documentos que iriam embasar o interrogatório do empresário goiano.

Dias depois da liminar que deu tempo extra à Cachoeira, os integrantes da comissão parlamentar mudaram de opinião e liberaram todos os documentos requisitados pela defesa do bicheiro. Assim que soube da decisão, Celso de Mello sinalizou que sua liminar poderia ser revista, já que não havia mais obstáculos para a defesa.

Após as declarações do ministro, a defesa de Cachoeira voltou a acioná-lo na última quinta-feira (17) para pedir mais tempo para analisar as provas, pois considerava que uma semana seria muito pouco para ler e interpretar as milhares de páginas do processo. Os advogados pediram pelo menos três semanas para analisar todas as provas, mas o pedido foi negado pelo ministro.

*Fonte: Agência Brasil

Rádio lota com a presença de Leonardo

No programa “Ipanguaçu em Debate” de ontem(21) na FM Sacramento o prefeito Leonardo Oliveira(PT), Mario Silvério(PSC), Josimar(PSB), Geraldo Paulino (PSD) falaram sobre a decisão como indicado o nome de Josimar a compor a chapa majoritária para as eleições em outubro.

O prefeito Leonardo Oliveira acatou a resolução e ressaltou o clima de união do grupo. “Fizemos questão que esta fosse uma decisão conjunta, como de fato foi. É assim que trabalhamos, escutando a todos, conversando, chegando a um consenso, ao que é melhor para todos. O grupo segue ainda mais fortalecido”, afirmou.

O experiente vereador Josimar Lopes concordou com as palavras do prefeito. “Já participei de muita formação de chapa na minha vida, mas nunca vi um entendimento que envolvesse tamanha humildade”, afirmou, dizendo-se muito feliz com a escolha e ciente da grande responsabilidade que ela envolve.

A atual vice-prefeita Vera Lúcia, que havia colocado o nome à disposição para a disputa, apoiou a decisão, bem como o seu esposo, o ex-presidente da Câmara dos Vereadores Geraldo Paulino. “Abrimos mão da candidatura de Vera pensando no grupo. Nosso gesto é em nome do melhor para Ipanguaçu”, explicou Paulino, pré-candidato à Câmara.

Para o Mario Silvério, o importante e que o nosso grupo possa fortalecer o crescimento da cidade, “comungo com os que querem fazer Ipanguaçu uma cidade cada vez melhor, e Leonardo é um desses homens. E para aqueles que soltaram que Mario vai se vender, reafirmo que estaremos juntos para um grupo cada vez unido e forte para o pleito eleitoral” disse Mario emocionado.

O ex-prefeito José Wilson de Souza esteve presente e disse que está com Leonardo e vira ao programa para falar mais sobre essa adesão.

Os estúdios da rádio, e os espaços entornam dela ficaram lotados com a presença da população.

Veja mais fotos (AQUI)

CNJ decide pela abertura de processo administrativo contra desembargadores

oswaldo_e_rafaelDepois de pouco mais de três horas de julgamento no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ficou definido nesta segunda-feira (21), por maioria dos votos, a abertura de processo administrativo disciplinar contra os desembargadores Osvaldo Cruz e Rafael Godeiro, acusados de participarem do esquema fraudulento de desvio de dinheiro no setor de precatórios do Tribunal de Justiça do RN.

A primeira a votar foi a relatora e corregedora geral do CNJ, ministra Eliana Calmon. No discurso, a ministra conclui o indicativo de infrações funcionais cometidas pelos desembargadores.

Em seguida, a votação foi aberta aos conselheiros do CNJ. Os cinco primeiros a votaram favoráveis à abertura do processo administrativo. O conselheiro Silvio Rocha votou contra, optando apenas pela abertura de uma sindicância interna.

Os demais conselheiros e o presidente do CNJ, ministro Ayres Britto, também foram favoráveis à abertura do processo administrativo.

Agora o procedimento pode levar até seis meses para ser concluído pela corregedora Eliana Calmon. Se condenados, os desembargadores Osvaldo Cruz e Rafael Godeiro podem receber multa, censura pública, transferência ou ainda ter aposentadoria compulsória.

Fonte: Jornal De Fato

Betinho Rosado concorda com a decisão de Mario em apoiar Josimar

Ontem à tarde o Secretário de Agricultura do Rio Grande do Norte, Deputado Federal licenciado, Betinho Rosado, esteve reunido com o prefeito Leonardo Oliveira e vereadores para reunião sobre ações que serão tomadas para combater o tempo de estiagem no município.

Durante a conversa entrou os fatos políticos. Betinho concordou com a decisão de Mario Silvério(PSC) que em consenso  foi escolhido o nome do empresário e vereador Josimar Lopes a vice de Leonardo Oliveira no pleito eleitoral de outubro.