i

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Xuxa revela que sofreu abuso sexual na infância

Reprodução de TV

Xuxa, durante desabafo em quadro do programa "Fantástico", da TV Globo
 A apresentadora Xuxa Meneghel, de 49 anos, disse ontem ao Fantástico, da Rede Globo, que foi abusada sexualmente durante a infância e o começo da adolescência. "Com 13 anos foi a última vez", declarou. Segundo ela, os abusos ocorreram "várias vezes" e seu pais não foram avisados porque ela tinha medo de contar.

"Tinha medo de falar para o meu pai e meu pai achar que era eu que estava fazendo isso, porque uma vez foi com o melhor amigo dele, o cara que queria ser meu padrinho. Eu não podia falar com a minha mãe, porque uma das vezes foi com o cara que ia casar com a minha avó, mãe dela. Então a errada era eu? Eu não sabia o que era. E os professores. O professor chegou para mim e falou: ‘Não adianta você falar porque entre a palavra de um professor e um aluno eles vão acreditar no professor.’ E até hoje, se você me perguntar, ainda acho que foi por minha culpa", relatou.

A revelação foi feita no quadro "O que vi da vida", no qual personalidades fazem um apanhado de sua história. O depoimento de Xuxa durou 25 minutos. O assunto foi detalhado quando a apresentadora falava sobre suas ações com crianças moradoras de rua. Ela disse ter ouvido histórias de crianças que foram para as ruas para fugir de abusos sexuais e disse que sabia o que elas tinham passado. "Eu fui abusada. Eu sei o que é, o que uma criança sente. A gente sente vergonha, a gente não quer falar sobre isso, acha que a gente é culpada", disse. "Tinha vergonha, me calava, me sentia mal, me sentia suja. Se não tivesse o amor da minha mãe, teria ido embora." As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

Bruno Ribeiro/Da Agência Estado

UOL: Médicos de Natal usam Twitter para denunciar falta de vagas a bebês e crianças em UTI

Seis bebês e duas crianças estão à espera de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) em hospitais de Natal. O problema foi exposto por médicos plantonistas neste domingo (20) na internet.
Na maternidade Escola Januário Cicco (MEJC), cinco bebês em estado grave estariam recebendo cuidados em uma sala improvisada do centro cirúrgico. Um dos bebês pesa apenas 800 gramas e nasceu de parto prematuro na madrugada deste domingo (20).
Segundo os médicos da Maternidade de Natal, como também é conhecida a MEJC, a unidade está superlotada e há carência de pessoal.
“Deixar bebê prematuro de 800 gramas sem assistência intensiva adequada por falta de leitos de UTI neonatal é criminoso”, criticou, via Twitter, o médico anestesista José Madson Vidal, que esteve de plantão, neste domingo, na unidade. “Até quando a sociedade vai ficar anestesiada, permitindo que, diariamente, bebês agonizem pela desassistência neonatal?”, questionou.

Vereador é o indicado a compor chapa na reeleição de Leonardo em Ipanguaçu

O empresário ceramista e vereador, Josimar Lopes (PSB), é o nome indicado pelo grupo da situação a compor como vice em decisão tomada durante este final de semana entre o grupo aliado liderado pelo prefeito Leonardo Oliveira (PT) que tentará sua reeleição este ano.

Na reunião o nome foi aceito e conta com o apoio do presidente da câmara Tunefis Morais (PRB), a vice-prefeita, Vera Lúcia e seu marido ex-vereador, Geraldo Paulino ambos do PSD e o ex-vice-prefeito Mario Silvério (PSC). O nome ganha respaldo também dos vereadores Batista Lobo (PSD), Gordo (PSB), Dedé de Eduardo (PMN) e a vereadora Thalita(PSD).