i

sexta-feira, 4 de maio de 2012

Prefeito de Ipanguaçu se reúne com Secretário do estado para resolver solução para o abastecimento de água

O Prefeito Leonardo Oliveira esteve nesta sexta-feira (04) em reunião com o Secretário do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Gilberto Jales, para tratar do abastecimento de água da comunidade de Arapuá.

Segundo o prefeito Leonardo Oliveira, o secretário dará uma posição na próxima segunda-feira com relação à parceria para disponibilidade de tubos que leve a água até a comunidade, “segundo o secretário a Semahr não tem como fazer a perfuração do poço, mas nos realizaremos a perfuração de forma emergencial, pois o que não pode é a comunidade continuar nessa situação, agora é aguardar que o governo se comprometa com a tubulação. É nosso compromisso é garantir água de qualidade para consumo humano.” fala o prefeito.

Leonardo ainda falou com o secretário sobre o canal do Pataxó, e disse que será realizado o reparo dos furos e vazamentos, com polietileno para sanar a situação no momento e que irão construir a parte demolida do canal. Posteriormente será executada toda a manutenção e recuperação do canal para melhor funcionamento.

Escolas de Ipanguaçu participarão da 3ª edição das Olimpíadas de Língua Portuguesa

Com o objetivo de contribuir para ampliação do conhecimento e aprimoramento do ensino da escrita. A Prefeitura de Ipanguaçu através da Secretaria de Educação realizaram hoje da abertura oficial da 3ª edição das Olimpíadas de Língua Portuguesa – Escrevendo o futuro, a solenidade aconteceu no Teatro Municipal Maria Eugênia e contaram com a presença da Secretária de Educação Jeane Dantas, professores, supervisores.

Segundo a coordenadora das Olimpíadas, Aloma Daiany Saraiva Varelas de Farias, “este ano teremos encontro com os professores quinzenalmente para estudos, onde veremos as metodologias a serem trabalhadas nas escolas, e debater experiências vivencia nas instituições” informa Aloma.

O concurso de produção de textos que premiará as melhores produções de alunos de escolas públicas de todo o país. Nesta 3ª edição participam professores e alunos do 5º ano do Ensino Fundamental (EF) ao 3º ano do Ensino Médio (EM), nas categorias: Poema no 5º e 6º anos EF; Memórias no 7º e 8º anos EF; Crônica no 9º ano EF e 1º ano EM; Artigo de opinião no 2º e 3º anos EM.

Os estudantes deverão escrever um texto com o tema “O lugar onde vivo”, a premiação dos vencedores regionais e nacionais será no mês de novembro. Os vencedores da etapa nacional e seus professores vão ganhar um computador com impressora. Já as escolas vão receber dez microcomputadores, uma impressora e cupom para escolha de livros a partir de uma lista disponibilizada pela coordenação.

A secretária de Educação Jeane Dantas, destaca da às olimpíadas é uma das iniciativas bem importantes na qual o município já aderiu, de forma que estimula os professores e alunos para aprimorarem os vários tipos de escrita, “ficamos muito felizes quando o contagiar da leitura e escrita muda a vida das pessoas, e com esse propósito as olimpíadas deixa de ser apenas um concurso de textos, para ser uma oportunidade para no aperfeiçoamento de professores e de forma especial para os alunos que são os principais protagonistas” disse ela.

Em Ipanguaçu 15 escolas da rede municipal, estadual e federal participarão do concurso. A iniciativa é do Ministério da Educação (MEC) e da Fundação Itaú Social, com coordenação técnica do Cenpec — Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária, a Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro tem como parceiros na execução das ações o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e o Canal Futura.

Brasil passa a ser o segundo maior país no Facebook

Em menos de um mês, o Brasil passou de terceiro a segundo país com mais usuários no Facebook. Agora somos 46,3 milhões na rede criada por Mark Zuckerberg.
Em 18 de abril, o GLOBO noticiou que o Brasil já era o terceiro maior país no Facebook, então com 44,6 milhões de membros inscritos no site, perdendo apenas para Estados Unidos – ainda na ponta – e Índia, agora a terceira colocada. Pelos números divulgados nesta quinta-feira (03), os americanos são 157,2 milhões, e os indianos, 45,7 milhões.
O Brasil também é o país que mais tem crescido no Facebook. Só na semana passada, quase um milhão de brasileiros se juntaram à rede social, contra 166 mil novos usuários americanos.

Wilma: "O governo de Rosalba estava sem rumo. Agora está sem controle"

Wilma-de-Faria-12
Segundo Wilma, insatisfação da população com governo do Estado
 é consequência do não cumprimento de promessas.
A presidente estadual do PSB, ex-governadora Wilma de Faria, analisa que o governo Rosalba Ciarlini (DEM) está sem rumo, sem controle e sem diálogo com a população. Em entrevista ao Jornal de Hoje, Wilma comentou os últimos acontecimentos envolvendo o governo do Estado. Segundo Wilma há uma insatisfação da população em relação ao governo do Estado, devido ao não cumprimento das promessas de campanha e à deficiência dos serviços básicos.

"Não posso ficar feliz com tudo que está acontecendo. A insatisfação do povo não veio de Mossoró, acho que foi do Estado do RN como um todo. A insatisfação veio das pessoas que não estão recebendo o leite, dos que não estão sendo atendidos pelos serviços das Centrais do Cidadão, dos servidores do Estado. É um fato real. Ninguém pode negar que a realidade é essa", afirma a ex-governadora, ao comentar o twitaço na internet, que gerou um fato político negativo para o governo na última terça-feira.

Segundo Wilma de Faria, agora o governo expõe as dificuldade do setor de saúde pública, através da demissão do secretário Domício Arruda. Para a ex-governadora, o que já era problemático – a saúde pública – se torna ainda mais na atual gestão. "A saúde não está funcionando e nós estamos vendo duas aliadas – Rosalba e a prefeita de Natal, Micarla de Sousa -, que não põem a saúde para funcionar. Os problemas, que já existiam antes no setor, estão muito mais graves", analisa.

Em Natal, segundo Wilma de Faria, as unidades de saúde não funcionam. No Estado, o problema é o desabastecimento do Walfredo Gurgel, com falta de macas, elevadores quebrados e o lixo acumulado pelo não cumprimento dos contratos de manutenção. "Nós sentimos que o secretário não teve culpa. Faltou apoio dado por ela", disse.

Sobre o twitaço, Wilma de Faria discordou do entendimento de Rosalba, que, em nota à imprensa, afirmou que o movimento surgiu a partir de adversários políticos mossoroenses, seu berço político, e que se tratou de um movimento orquestrado. Além de discordar do ponto de vista oficial, Wilma disse que não se pode desprezar a força das redes sociais, que vieram para democratizar a comunicação. "As mídias sociais são uma forma de democratizar a informação. O que aconteceu foi um movimento espontâneo, que reflete o pensamento da população", observou Wilma, ela própria detentora de uma conta no Twitter.

Com informações do Jornal de Hoje - Por: Alex Viana

Médicos dizem que ex-presidente Lula está bem de saúde

O Globo
Fontes próximas do ex-presidente Lula afirmaram que ele tem sentido uma “fraqueza nas pernas” em decorrência do tratamento contra o câncer na laringe, revelado em outubro do ano passado.
Médicos que cuidam de Lula afirmaram ao GLOBO que o ex-presidente está bem de saúde, que não houve alteração em relação ao câncer — cujo tumor foi eliminado segundo os últimos laudos clínicos — e que não há metástase.
Os médicos disseram não saber que o ex-presidente estava usando uma bengala. Eles informaram que o tratamento de Lula, que já foi encerrado, foi “muito intenso” e que poderia tê-lo enfraquecido. Segundo um dos amigos mais próximos de Lula, o ex-presidente preferiu a bengala para sentir mais segurança ao caminhar.
— Toda a quimio e radioterapia provocam um enfraquecimento muito grande da musculatura. A pessoa não sente firmeza nas pernas. Por isso, Lula quis usar a bengala como segurança. A previsão é de que ele ainda fique assim (enfraquecido) por dois meses — disse uma das fontes próximas do ex-presidente. 

Crise no Governo Rosalba: Nove já foram exonerados dos seus cargos

Com a saída do ex-secretário Estadual de Saúde Domício Arruda da pasta ocorrida nesta quarta-feira, 02,esta blogueira resolveu fazer um levantamento dos nomes de ex-titulares de pastas importantíssimas do governo Rosalba que foram exonerados entre o último trimestre de 2011 e o primeiro de 2012.


Entre os nomes aparecem o vice-governador, Robinson Faria, que era titular da Secretaria de Recursos Hídricos, e outros oito. Eu disse oito. A saída de Robinson foi o desfecho da crise entre o Democratas e o PSD, partido comandado por ele no estado.
No dia seguinte,  o ex-secretário do Gabinete Civil, Paulo de Tarso Fernandes, deixou o governo, segundo o próprio, “exclusivamente em solidariedade ao vice-governador Robinson Faria”.
Em ambos os casos, ao que se vê, a motivação foi puramente política. Mas outros motivos provocaram, por exemplo, a saída de Fábio Hollanda da SEJUC. Neste caso, a motivação foi a crise na Secretaria e deficiência de gestão e limitação de recursos.
Independentemente do que estimulou tais decisões, o número é considerado alto, visto que faz pouco mais de um ano que Rosalba assumiu o estado garantindo que “Faria acontecer”.
E até agora nada, ou pelo menos muito pouco foi feito. Prova disso, é o caos que o estado vivencia. É uma verdadeira crise.
Confira os nomes:
Robinson Faria – Saiu da Semarh (Secretaria de Meio Ambiente e de Recursos Hídricos) por causa de uma crise entre o DEM de Rosalba e o PSD, partido comandado por ele no RN.
Paulo Tarso  Fernandes -  O ex-secretário do Gabinete Civil, Paulo de Tarso Fernandes, deixou o governo também ontem, segundo o próprio, “exclusivamente em solidariedade ao vice-governador Robinson Faria”
Tatiana Mendes Cunha – Ex-consultora do Estado. A decisão de deixar o cargo não partiu dela , e sim,  da própria governadora, que lhe chamou para uma conversa  na residência oficial para o anúncio.
Marcelo Toscano  – O engenheiro Marcelo Toscano foi exonerado do cargo de diretor-geral do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte (Idema) porque tinha sido indicação do também exonerado Robinson Faria após rompimento com o governo.
Thiago Cortez – O advogado Thiago Cortez pediu exoneração do cargo de Secretário de Estado da Justiça e da Cidadania, SEJUC, alegando motivos particulares e a necessidade de retomar as atividades em seu escritório de advocacia. Ele permanece na assessoria jurídica de Rosalba Ciarlini, onde desempenha esta atividade há váriosanos.
Fabio Holanda – O ex-Secretário de Estado da Justiça e Cidadania(SEJUC)  Fábio Hollanda entregou o cargo alegando da falta de autonomia para comanda a pasta e nomear auxiliares. Lamentou também deficiência de gestão e limitação de recursos.
Saulo Carvalho  – O ex-diretor da Potigás, Saulo Carvalho,diz que saiu por questões políticas.
Ramzi Elali – Empresário estaria insatisfeito com isolamento no governo. As circunstâncias que levam à saída de Ramzi Elali motivaram diversas especulações. Nem ele, nem o governo quis confirmar os comentários de bastidores de que sua saída estaria relacionada ao descontentamento por não estar sendo convocado para reuniões importantes de governo que dizem à Copa do Mundo e ao turismo; e a falta de condições estruturais, que se tornou insustentável na semana passada com o corte de energia elétrica na sede da Seturde, por inadimplência.
Domício Arruda- Após ter declarado que não iria se pronunciar sobre a situação da saúde no RN, pelo dia se tratar de um feriado ele foi exonerado do cargo.
Por Gláucia Lima

Obras de mobilidade do governo ainda não têm data para começar

Apesar de já ter sido publicada a nova matriz de responsabilidades da Copa, no Diário Oficial da União do último dia 26, definindo participação de recursos da União, Estado e município, o Governo do Estado ainda não tem previsão de quando serão iniciadas as obras de mobilidade na avenida Roberto Freire, o Complexo Viário na BR-101 que dá acesso à Prudente de Morais e construção dos acessos do novo Aeroporto de São Gonçalo do Amarante.


As obras de infraestrutura consideradas prioritárias e imprescindíveis para a realização da Copa de 2014, devido a mudanças no projeto original, ainda dependem de muita burocracia para serem iniciadas, embora os recursos de R$ 320 milhões já estejam praticamente assegurados.