i

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Infância Missionária comemora15 anos com inauguração de estátua

A Pontifícia Obra da Infância, Adolescência e Juventude Missionária de Ipanguaçu fundada em 1996 comemorou neste ultimo domingo (18), 15 anos de Paixão pela Missão através da evangelização e engajamento de crianças, adolescentes e jovens na comunidade.

O coordenador estadual da Obra no RN, Rafael Tavares, conta que em 1996 aconteceram os primeiros encontros da Infância Missionária em Ipanguaçu, depois do primeiro contato através de uma reunião em Natal. “Incentivados pelas Irmãs Ursulinas e pelo Pe. Orcenival, a missão se espalhou nesta ilha grande e tornou-se fecunda. Registramos o carinho e atenção do arcebispo emérito, Dom Heitor de Araújo Sales, além da Coordenação Arquidiocesana da IAM”, fala o coordenador.
Durante esse tempo foi criado o GAM – Grupo de Animação Missionária, que depois cresceu e se tornou o Grupo de Oração Santa Teresinha, o Movimento Apostólico da Mãe Peregrina, a Juventude Missionária e agora a Cáritas Paroquial. Na zona rural a IAM sempre ocupou seu lugar e com anos de trabalho foi construida a Igreja através dos frutos da fé do povo, depois as Capelas, como em Capivara, Cuó, Picada, reconstruindo a Capela de Luzeiro, e ainda na luta pela construção das Capelas em Canto Claro, Angélica, Bairro Maria Romana, Língua de Vaca e agora Olho D’água.

No seu discurso proferido na cerimônia do Desfile Missionário Rafael afirmou que muitos trabalhos missionários ainda viram, apesar das grandes conquistas como a reforma e ampliação da Sede Municipal e a instalação da Biblioteca Infantojuvenil da IAM.“Conseguimos erguer em praça pública a estátua de Santa Teresinha, padroeira da IAM, através da doação de seus devotos, uma luta de todos que será eternizado para sempre na história do município” frisa.

Durante a inauguração diversas autoridades se fizeram presentes, incluindo o prefeito Leonardo Oliveira e a primeira dama e secretária de Assistência Social, Maria Cristina. Para o Prefeito é importante a cada dia fortalecer a fé do povo e a estátua de Santa Teresinha é a prova da religiosidade e a fé dos ipanguaçuenses.

No desfile missionário a IAM contou a história de 15 anos de Paixão pela Missão e enalteceu o exemplo de pessoas que promoveram a paz no mundo todo, elegendo quinze figuras representativas que fizeram de sua passagem pela terra um exemplo de vida. O encerramento da festa ocorreu com a inauguração da estátua de mais de 2 metros e a partilha de um bolo gigante com 15 metros, ambos totalmente doados pela comunidade.


 







































Nenhum comentário: