i

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Cuidados com a pessoa idosa é tratado em encontro em Ipanguaçu

Discutir os direitos da pessoa idosa, e orientar os cuidadores e as famílias sobre a melhor forma de lidar com a terceira idade foi um dos objetivos do I Encontro de Cuidadores de Idosos em Ipanguaçu. Realizado nesta última quinta-feira (11) pelo Conselho Municipal da Pessoa Idosa e a Secretaria de Trabalho, Habitação e Assistência Social, o a assunto foi tratado no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). 

O encontro deu início com apresentação dos idosos do Grupo de Convivência da Melhor idade, que atende hoje no município 148 idosos em três comunidades da zona rural, além da zona urbana da cidade. 

Segundo a coordenadora do CRAS e presidente do Conselho Municipal da Pessoa Idosa, Maria Célia da Silva, o cuidado com a pessoa idosa precisa ser redobrado, e respeitar os direitos deles como estabelece o estatuto requer sensibilidade coletiva de toda família, “desde os cuidados básicos, higiene, saúde, nutrição e a independência e segurança para que o idoso seja acolhido é muito importante para o bem estar de nossos idosos. E os cuidadores, quanto a família precisam saber dos deveres e direitos de cada um”, frisa. 

Durante o encontro a fisioterapeuta do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), Tânia Araujo, a Assistente Social Emanuelle Alves, e a promotora de justiça da comarca de Ipanguaçu, Kaline Almeida também participaram do encontro. Para a promotora, o amor é peça fundamental com atenção ao idoso. 

Os encontros do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa acontecem a cada dois meses. A estratégia segundo Célia é promover novos encontros entre os idosos e as famílias com um grupo de apoio composto por uma equipe de multiprofissionais com, fonoaudiólogos, nutricionistas, psicólogos, assistentes sociais, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, dentistas, enfermeiros e médicos. 

















Nenhum comentário: