i

sábado, 6 de julho de 2013

Prefeito de Ipanguaçu Leonardo Oliveira viaja à Brasília na segunda para tratar da Obra do Rio Pataxó


O prefeito de Ipanguaçu Leonardo Oliveira viaja na segunda-feira, dia 08, para Brasília a fim de acompanhar os convênios e projetos como pavimentação, ginásio de esportes, construção de poços artesianos que estão em andamento pelos órgãos do Governo Federal, mas em especial o prefeito deverá ver pessoalmente a situação dos recursos assegurados para a macrodrenagem do Rio Pataxó que está orçado em R$ 7,3 milhões com o Ministério da Integração Nacional. 


Prefeito viaja a Brasília afim de acompanhar os convênios, projetos, entre eles o do Rio Pataxó.

Leonardo disse que se encontrará com a Deputada Fátima Bezerra para que o município não perca os recursos já assegurados, o motivo para que haja está possibilidade é que o prazo para inicio do processo da obra encerará no fim deste mês. “Os recursos para a primeira etapa do projeto de macrodrenagem do rio é o primeiro passo para que a água não venha a invadir as residências na zona urbana e deixe ilhadas as famílias na zona rural” fala o prefeito. 

Na última cheia em 2011 registraram-se diversas perdas na agricultura, na infra estrutura das casas que desabrigaram centenas de famílias e isolaram milhares de pessoas em diversas comunidades rurais, gerando prejuízos às empresas de fruticultura instaladas em Ipanguaçu e aos agricultores rurais, danos que ultrapassaram os R$ 8 milhões. 

Apenas a dois meses do prazo, a Prefeitura tomou conhecimento que o Governo do Estado do Rio Grande do Norte, através da Secretaria de Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (SEMARH) passou a responsabilidade para a exclusão da obra para a Defesa Civil Nacional. 

O gestor conta que teme que a cidade possa ser penalizada, perdendo os recursos da obra. “É um anseio antigo de todos os ipanguaçuenses o fim destas inundações que todos os anos expulsão os moradores de suas casas. Fico sem entender porque o governo do estado não agilizou este projeto. Viajo a Brasília com esperança de que o prazo possa ser prorrogado” conta o prefeito Leonardo que retorna de Brasília no dia 12. 

Leonardo ainda participará da XVI edição da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios que ocorrerá entre os dias 8 a 11 de julho.

Nenhum comentário: