i

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Promotores de Justiça das comarcas de São Rafael e Apodi atuarão no Júri Popular de Ipanguaçu

Os bacharéis André Nilton Rodrigues de Oliveira e Sílvio Ricardo Gonçalves de Andrade, respectivamente representantes do Ministério Público Estadual das comarcas judiciais de São Rafael e Apodi, foram destacados excepcionalmente para, esta semana, atuarem em sessões do Tribunal do Júri Popular da comarca de Ipanguaçu, região do Vale do Açu. As designações foram formalizadas através de portarias expedidas pela Procuradoria Geral de Justiça do Estado, em Natal, publicadas no Diário Oficial do Estado. 

A Portaria número 4.738/2012, de 22 de novembro em curso, assinada pela procuradora-geral de Justiça adjunta, Maria Auxiliadora de Souza Alcântara, destacou o promotor André Nilton Rodrigues de Oliveira, de São Rafael, para atuar na sessão do Tribunal do Júri Popular aprazada para hoje, quarta-feira, 28 de novembro, a partir de nove da manhã, relativa ao Processo número 0000014-80.2002.8.20.0163, originário do Ministério Público ipanguaçuense, do qual foi vítima José Itamaraci de Melo Machado e o réu é Gilberto Bezerra de Oliveira. Já a Portaria número 4.739/2012, da mesma data, oficializa a indicação do promotor Sílvio Ricardo Gonçalves de Andrade, de Apodi, para idêntica atribuição por ocasião da sessão do Tribunal do Júri Popular agendada para amanhã, quinta-feira, dia 29, a partir de nove da manhã, no que concerne ao Processo número 0500020-93.2003.8.20.0163, igualmente procedente da representação do Ministério Público de Ipanguaçu, do qual foi vítima Romildo Joaquim da Costa e que é réu a pessoa de Fábio Joaquim da Costa. As sessões do Tribunal do Júri Popular são presididas pela juíza de Direito local, Nivalda Neco Torquato Lopes. As atividades plenárias correspondentes a primeira Reunião Ordinária do Tribunal do Júri Popular de 2012 da comarca de Ipanguaçu desenvolvem-se no interior do auditório do Fórum Municipal. 

Esta etapa de sessões realiza-se desde o dia 23 de novembro e sequenciará até a próxima sexta-feira, dia 30. Segundo informação do diretor de Secretaria do Judiciário, Maurício Miranda, as sessões foram previamente definidas para os dias 23, 26, 27, 28, 29 e 30. Na sexta-feira será julgado o Processo número 0000062-73.2001.8.20.0163 cujos réus são Cosme Firmino da Silva e Damião Firmino da Silva e as vítimas foram Jânio Kenedy de Melo e Rivanaldo Raimundo da Cunha.

Fonte: Rádio Princesa

Nenhum comentário: