i

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

RN inaugura unidade de energia eólica em Guamaré

Foi inaugurado ontem em Guamaré a Usina Eólica Alegria I. A unidade faz parte do projeto do Centro Tecnológico de Energia Eólica, que será implantado pelo Governo do Estado e treinará 10 mil trabalhadores. "Precisamos juntar energia e saber para promover o desenvolvimento do RN", propôs a governadora para quem a capacitação técnica será reconhecida no mundo inteiro.


"Quero dar ao Centro esse caráter internacional, trazendo também experiências dos Estados Unidos e da Alemanha, especialistas neste tipo de energia renovável", adiantou Rosalba, que já levou o projeto ao conhecimento dos ministros da Ciência e Tecnologia, Aloísio Mercadante, e Educação, Fernando Haddad, além da presidenta Dilma Rousseff.


Para a governadora, a eólica movimentará a economia e a educação, através da formação dos trabalhadores. "Essa será a década do desenvolvimento", conceituou Rosalba, dizendo estar mais motivada com os investimentos do setor que devem chegar a R$ 8 bilhões, pouco menos que o orçamento do Estado - R$ 9,4 bi.


Antes do discurso, a governadora ouviu do presidente do Banco do Nordeste, Roberto Smith, que a instituição espera que o RN produza muito mais do que os 150MW das usinas Alegria I, inaugurada ontem, e Alegria II, em construção.  


Os investimentos para Alegria I foram de aproximadamente R$ 330 milhões. O BNB financiou R$ 250 milhões. O banco está investindo R$ 4,4 bi no RN, sendo R$ 3,5 bi para energia eólica. Existem outros projetos na área industrial para o Estado.


O vice-presidente da Usina Eólica, Hugo Seabra, disse que a posição do grupo no Estado é de longo prazo. "Certamente teremos outros investimentos além de Alegria I e II", observou, anunciando que há uma cadeia produtiva com fornecedores estrangeiros se instalando no RN, a exemplo do que ocorre no CE e BA.         


Acompanharam a governadora na solenidade de inauguração os deputados estaduais Vivaldo Costa, Leonardo Nogueira e Gustavo Fernandes, e os secretários Esdras Alves (Articulação com os Municípios) e Benito Gama (Desenvolvimento Econômico).


Fonte: O  mossoroense

Nenhum comentário: