i

quinta-feira, 13 de março de 2014

Prefeitura de Ipanguaçu dá início às atividades da Olimpíada de Língua Portuguesa

Em cerimônia realizada nesta última quinta (13) no Teatro Municipal Maria Eugênia Maciera Montenegro, foi lançada oficialmente a 4ª Edição da Olimpíada de Língua Portuguesa (OLP) - Escrevendo o Futuro. 

Com a participação de educadores da rede municipal e estadual do município, além de professores do Alto do Rodrigues, o lançamento pretendeu estimular os professores na participação da nova edição do concurso. O lançamento contou com o apoio da Prefeitura de Ipanguaçu, através da Secretaria de Educação. 

Segundo a coordenadora da OLP no município, Aloma Saraiva de Farias, na ocasião foi apresentada a ‘Caravana da Olimpíada’, que visitará todas as escolas divulgando a OLP. “Essa caravana objetiva motivar professores e alunos a participarem da olimpíada através de rodas de conversa com docentes e discentes que já participaram de outras edições. Eles contarão suas experiências para incentivarem a participação dos alunos novos ou que nunca participaram”, informa a professora. 

A caravana marca uma atividade pioneira em todo o Brasil, iniciativa que pretende formar grupos de estudo acerca de cada gênero discursivo privilegiado na configuração da OLP, para que assim possam ser efetivados os momentos de formação e troca de saberes entre professores e estudantes participantes do processo.

A Olimpíada é realizada a cada dois anos. Podem participar docentes e alunos de 5º ao 9º do ensino fundamental e 1º ao 3º anos do ensino médio. Os estudantes de 5º e 6º anos participarão no gênero poema, os alunos de 7º e 8º anos desenvolverão textos de memórias literárias e os do 9º ano do ensino fundamental e do 1º ano do ensino médio irão trabalhar com crônica. Os alunos do 2º e 3º ano do ensino médio articulam-se em torno do gênero artigo de opinião.

O lançamento em Ipanguaçu contou com a participação de Ladmires Luis Gomes Carvalho, professor da rede estadual na cidade de Natal, um dos semifinalistas em 2010 no gênero Crônica e vencedor nacional no gênero artigo de opinião em 2012, dentro da OLP. Registrou-se, ainda, a participação da secretária municipal de Educação, professora Jeane Dantas. Para a dirigente da educação municipal, o momento foi muito relevante: "acreditamos que este ano a OLP configurar-se-á num importante instrumento no processo de formação dos professores e alunos que integram esta competição nacional, auxiliando o desenvolvimento da aprendizagem dos nossos educandos e constando como atividade atrelada a iniciativas do próprio município, como o projeto Ipanguaçu, Cidade que Lê", destaca.















Nenhum comentário: