i

quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Francisco: “Jesus veio para nos libertar das trevas e nos dar a luz”

O papa Francisco celebrou na noite de ontem (24), no primeiro Natal do seu pontificado. Milhares de fiéis e peregrinos provenientes de várias partes do mundo lotaram a Basílica de São Pedro para participar da tradicional cerimônia, concelebrada por mais de 300 cardeais, bispos e sacerdotes. O pontífice observou não tratar-se apenas de um fato emotivo, sentimental. “Comove-nos porque exprime a realidade profunda daquilo que somos: povo em caminho, e ao nosso redor, mas também dentro de nós, há trevas e luz”, observou.
Recordando o curso da história ao longo do caminho da salvação, partindo do nosso pai na fé Abraão, o Bispo de Roma recordou a nossa identidade de fiéis qual povo peregrino que caminha para a terra prometida. “E nesta noite, enquanto o espírito das trevas envolve o mundo, renova-se o acontecimento que sempre nos maravilha e surpreende: o povo em caminho vê uma grande luz, que nos faz refletir sobre este mistério do andar e do ver”.

Francisco frisou que aquele que odeia seu irmão nas trevas caminha, sem saber para onde vai, porque lhe cegaram os olhos. “A graça que se manifestou no mundo é Jesus, nascido da Virgem Maria, verdadeiro homem e verdadeiro Deus. Entrou na nossa história, partilhou o nosso caminho. Veio para nos libertar das trevas e nos dar a luz. Nele manifestou-se a graça, a misericórdia, a ternura do Pai: Jesus é o Amor feito carne”. Ao término, Francisco deixou o Altar da Confissão deslocando-se com a imagem do Menino Jesus até a entrada da nave central, onde depositou o Menino na manjedoura do presépio montado na Basílica Vaticana.

Nenhum comentário: