i

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Tamanho não é “documento” nas eleições municipais da Paraíba



O ditado popular, “tamanho não é documento”, se fez valer nas eleições municipais da Paraíba. Enquanto Santino Feliciano da Silva (PT do B), com apenas 1,08m, foi eleito vereador de João Pessoa, o homem mais alto do país, Joelison Fernades (PSB), conhecido como Ninão, que tem 2,25m, não conseguiu se eleger como vice-prefeito na cidade de Assunção, no Cariri da Paraíba.
Ninão disputou à prefeitura compondo a chapa encabeçada pelo candidato Nezinho França (PSDB). Juntos, obtiveram 1.029 votos (35,62%), todavia a chapa foi derrotada no último domingo (07). O prefeito eleito foi Rafael Farias (PSD), que conseguiu 1.860 votos (64,38%). Ninão, de 27 anos, é considerado o homem mais alto do Brasil e o segundo do Mundo. Sua estatura chamou a atenção da imprensa nacional, que lhe deu status de estrela em programas de auditório.
Santino Feliciano da Silva, (PT do B), 72 anos, foi eleito com 2.537 votos. Ele tinha apenas 30 segundos no guia eleitoral e pedia voto assim: “Vote no gigante”. Santino é servidor público aposentado do estado da Paraíba. “Dos males, o menor”, dizia o candidato, num trocadilho usado como slogan bem humorado de sua campanha.
Por Abdias Duque

Nenhum comentário: